• Últimas Notícias

    quinta-feira, 17 de outubro de 2019

    Pai pede socorro após filho ter pênis amputado em cirurgia de fimose

    Correio Braziliense

    “O caso é complexo e ainda não sei quanto será o custo. Não temos recursos, mas estamos correndo atrás e esperamos contar com ajuda de um especialista para a recuperação do meu filho”. O apelo foi feito na noite da quarta-feira (16), em entrevista ao Estado de Minas, pelo pai de um menino de 3 anos que teve o pênis amputado durante uma cirurgia de fimose realizada no Hospital Municipal Dr. Carlos Marx, em Malacacheta, no Vale do Rio do Doce.

    Foi iniciada uma campanha na internet (vaquinha eletrônica) para arrecadar recursos para a cirurgia reparadora na criança. O pai, afirma que o filho foi vítima de erro médico.


    O caso é investigado por meio de inquérito policial, presidido pela delegada Mariana Grassi Ceolin, da delegacia de Polícia Civil de Teófilo Otoni, que responde pela comarca de Malachacheta.

    O pai informou que, nesta quinta-feira (17), vai levar o menino a Teófilo Otoni para exame de corpo de delito, procedimento da investigação.

    O médico responsável pela cirurgia na criança morreu dois dias após o procedimento, realizado em 16 de setembro. A causa da morte teria sido infarto, segundo o pai da criança. “Mas, queremos que todos os envolvidos sejam responsabilizados. O corporativismo dentro de um hospital não pode sobrepor à vida e à dignidade do ser humano”, cobra o estudante de agronomia.

    Em entrevista, nesta semana, a delegada Mariana Grassi declarou que o inquérito para apurar o caso foi aberto a pedido do Ministério Publico Estadual. Ela informou que recolhe documentos e que ainda não iniciou a fase de depoimentos.

    Informou, ainda, que vai apurar se a responsabilidade do caso foi do médico que morreu ou se houve o envolvimento de outros profissionais.

    O estudante relatou que, há aproximadamente um ano, separou da ex-mulher e a criança ficou com ele e com a avó da criança. Ele disse que, por orientação médica, o menino precisou passar por uma cirurgia, agendada pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

    Ele conta que a cirurgia durou quatro horas. E, quando o procedimento terminou, a criança reclamava de muita dor e tontura. Também notou que os lençóis estavam ensanguentados. Foi aí que percebeu que o órgão do garoto tinha sido decepado.

    Marco Aurélio prevê placar de 7 a 4 para derrubar prisão após 2ª instância

    Foto: Agência Brasil (Foto: Agência Brasil)
    Foto: Agência Brasil
    O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta quinta-feira (17) a jornalistas que prevê um placar de 7 a 4 para derrubar a possibilidade de prisão após condenação em segunda instância. Marco Aurélio disse que o seu voto, que será lido na próxima quarta-feira (23) tem entre sete e oito páginas, demandando trinta minutos para ser lido no plenário.

    Dentro do STF, ministros de diferentes alas ouvidos pela reportagem dão como certo que o tribunal vai derrubar a prisão após a condenação em segunda instância. A dúvida que permanece é saber se prevaleceria o entendimento de que a execução de pena deve ocorrer após o esgotamento de todos os recursos (o "trânsito em julgado") ou depois de uma decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que funciona como uma espécie de terceira instância.

    A tese do STJ já foi defendida pelo presidente do STF, ministro Dias Toffoli, que poderá desempatar o placar e definir o resultado do julgamento. O ministro Gilmar Mendes, que votou nesse sentido ao analisar um habeas corpus de Lula em abril do ano passado, já avisou que vai mudar de lado e migrar para a corrente "garantista", pelo trânsito em julgado.

    JK Stúdio e Cartuchos: Toners, cartuchos e tintas para impressoras


    Navio da Marinha encontra barril de óleo na costa do Rio Grande do Norte

    Barril fechado e com líquido dentro foi encontrado pela Marinha no litoral potiguar
     (Foto: Divulgação/Marinha do Brasil )
    A Marinha informou nesta quinta (17) ter encontrado um tambor com 200 litros de óleo na costa do Rio Grande do Norte, a 7,4 quilômetros de Natal. A embalagem, que tem um símbolo da petroleira Shell, é semelhante a outras encontradas em praias atingidas pelo óleo no Nordeste.

    Segundo a Marinha, o tambor está fechado e com líquido em seu interior. Amostra do conteúdo será levada para análise no Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira. A descoberta, feita pelo Navio Patrulha Guaíba, será usada nas investigações sobre a origem do óleo.

    Integrantes do “Bonde das Garotas do Crime” são presas em Macaíba

    Duas jovens, uma de 19 e outra de 20 anos, foram presas na manhã desta quinta-feira, 17, suspeitas de assaltos na cidade de Macaíba, na Grande Natal. As duas, segundo a Polícia Civil, também são suspeitas de integrar um grupo intitulado “Bonde das Garotas do Crime”, do qual fazem parte namoradas e companheiras de bandidos que pertencem a uma facção criminosa.

    Delegado de Macaíba, Cidórgeton Pinheiro disse ao Agora RN que as duas jovens foram presas preventivamente por força de ordens judiciais. “Elas são investigadas por pelo menos cinco assaltos cometidos aqui na cidade”, revelou o delegado.

    Cidórgeton contou que os crimes foram cometidos com características semelhantes. “De moto, com a cara limpa, e sempre de armas em punho”, afirmou.

    Os mandados foram cumpridos nas cacas das duas suspeitas, que ficam no Centro e no bairro Alto da Raiz. Na primeira residência, os policiais se depararam com um rapaz que estava traficando drogas. Ele recebeu voz de prisão e também foi levado para a delegacia.

    Já no segundo imóvel, os policiais também encontraram drogas e celulares. Os entorpecentes e os aparelhos foram apreendidos.

    O delegado disse que outras jovens que também fazem parte do grupo já foram identificadas e que novas prisões devem acontecer em breve.

    Com informações do Agora RN

    JK Stúdio e Cartuchos: A marca da boa impressão


    Sesap: Órgão estadual divulga dados da Leishmaniose Visceral no RN

    Resultado de imagem para Leishmaniose VisceralConhecida como Calazar, a Leishmaniose Visceral (LV), é uma doença crônica, que, quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% dos casos.

    No RN, desde o início deste ano até julho, foram notificados 88 casos suspeitos de LV, com 47 confirmações e três óbitos. Os dados são do mais recente boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (17), pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), por meio da Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica.

    Em todo o ano de 2018, foram 162 casos notificados da doença, dos quais 102 foram confirmados, com a ocorrência de seis óbitos.

    No estado, a Leishmaniose Visceral está dispersa em todas as regiões de forma heterogênea, concentrando o maior número de casos nas áreas urbanas e próximas, nos municípios que possuem maior concentração populacional.

    A doença no RN apresenta maior frequência em indivíduos do sexo masculino e afeta predominantemente adultos acima de 20 anos de idade.

    A LV é mais grave em pessoas com imunidade baixa, como imunodeprimidos.
    Dessa forma, a presença da infecção simultânea por LV e HIV-Aids é um fator importante a ser considerado, já que indivíduos nessa situação apresentam maior risco de morte.

    Em 2019, de janeiro a julho, foram confirmados 47 casos de infecção simultânea por LV e HIV.

    Em todo o ano de 2018, foram 102 casos de coinfecção.

    Caixa Econômica e Banco do Brasil iniciam nova fase de pagamento do PIS/Pasep

    Por Agência Brasil
    O abono salarial dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) do calendário 2019/2020 começa a ser pago nesta quinta-feira (17) para os beneficiários nascidos em outubro e servidores públicos com final de inscrição 03.

    A Caixa Econômica Federal é responsável pelo pagamento do abono salarial do PIS. Os pagamentos são disponibilizados de forma escalonada conforme o mês de nascimento do trabalhador.

    Os titulares que possuem conta individual na Caixa com cadastro atualizado receberam o crédito automático antecipado ontem (15).

    Os primeiros a receber o abono foram os nascidos em julho, no caso dos trabalhadores da iniciativa privada. Quanto aos servidores públicos, os que têm inscrição iniciada em zero.

    Os trabalhadores que nasceram até dezembro recebem o PIS ainda este ano. Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2020.

    Os servidores públicos com o dígito final de inscrição do Pasep de 0 e 4 também recebem este ano. Já no caso das inscrições com o final entre 5 e 9, o pagamento será no próximo ano.

    O fechamento do calendário de pagamento do exercício 2019/2020 será no dia 30 de junho de 2020.

    Quem tem direito