• Últimas Notícias

    sexta-feira, 11 de outubro de 2019

    Marinha vai notificar 30 navios de dez países após triagem sobre manchas de óleo

    A Marinha do Brasil afirmou nesta quinta-feira, 10, que, “após uma triagem das informações do tráfego mercante na região de interesse”, está notificando 30 navios-tanque de dez diferentes bandeiras a prestarem esclarecimentos”. A Marinha não informa quais são os dez países cujos navios trafegaram pelo litoral brasileiro, a partir do momento que houve o grave vazamento de óleo que sujou as praias nordestinas desde o início de setembro, que já atingiu 139 locais em 63 municípios de nove Estados do Nordeste.

    “A Marinha entrará em contato com as autoridades competentes dos países dessas bandeiras, com a Organização Marítima Internacional e com a Polícia Federal, visando elucidar todos os fatos”, afirma a nota. Segundo a Marinha, a ação tem apoio do Ministério da Defesa, do Exército e de instituições dos Estados Unidos.

    De acordo com a Marinha, que classificou o fato como um “grave acidente de poluição por óleo”, a investigação mobiliza 1.583 militares de 48 organizações diferentes, além de cinco navios, uma aeronave e embarcações e viaturas pertencentes a autoridades ao longo do litoral nordestino, como capitanias dos portos, delegacias e agências.

    A triagem inicial focou em quase 1.100 navios-tanque que circularam entre 1º de agosto e 1º de setembro numa área de 800 km de distância da costa brasileira, entre Sergipe e Rio Grande do Norte. As empresas donas desses navios e seus representantes no Brasil foram consultados para saber se registraram alguma anormalidade, de onde vieram, para onde foram e que tipo de carga estavam carregando.

    Nesta quinta, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, negou que o governo tenha demorado a reagir ao vazamento. “Não só a investigação foi iniciada no dia 2 de setembro, como também foram sendo mobilizados, ao longo do tempo, todos os recursos disponíveis para não só realizar a limpeza dessas áreas, mas também para tentar mitigar a propagação desse vazamento para outras regiões”, afirmou.

    A Venezuela foi um dos países identificados pela Petrobras no derramamento de óleo no litoral nordestino. O presidente Jair Bolsonaro chegou a afirmar que tem quase certeza que o derramamento de óleo é criminoso.

    Estadão Conteúdo

    Ufersa: Universidade abre edital Intercâmbio de Estudantes Brasil-Colômbia

    A Assessoria de Relações Internacionais da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa) abriu edital de pré-seleção voltado para intercâmbio de estudantes de graduação na Colômbia com duas vagas para estudantes da instituição.

    O objetivo é contribuir para a integração e o fortalecimento regional por meio da aproximação acadêmico-científica de ambos os países. O intercâmbio acadêmico internacional é para acontecer no primeiro semestre de 2020.

    Conforme o Edital do Programa Brasil-Colômbia (BraCol), o processo seletivo cria expectativa de direito, mas as candidaturas pré-selecionadas pela Ufersa serão submetidas à avaliação por parte da universidade parceira, que determinará o resultado final do pleito, garantindo ou não ao candidato a vaga na instituição desejada e a obtenção dos benefícios.

    Prefeita de Pedro Velho morre após complicações cardiovasculares

    Patrícia Targino tinha 59 anos e sofria de problemas cardiovasculares
    Morreu, na madrugada desta sexta-feita, 11, a prefeita Patrícia Targino, de Pedro Velho, município do Agreste potiguar. Targino enfrentava problemas renais; ela tinha 59 anos. Representantes de Targino confirmaram o falecimento por meio do perfil do Facebook da prefeita.

    Patrícia Peixoto Targino era natural de João Pessoa (PB). Foi eleita prefeita de Pedro Velho em 2016, com 58,52% dos votos, pelo MDB junto à coligação “Unidos pela Mudanças”.

    Patrícia estava em sua primeira gestão como chefe do executivo Municipal. Ela era filha dos ex-prefeitos do município, Gilberto Targino e Lilita Targino.

    O velório ocorre nesta sexta-feira, no Ginásio de Esportes “O Brasileirão”, às 11h. A cerimônia é aberta ao público.

    Com o falecimento da prefeita, a atual vice do município, Dejerlane Macedo (PSDB) deverá assumir o cargo.

    Com informações do AgoraRN