• Últimas Notícias

    domingo, 15 de setembro de 2019

    Novas regras da CNH: simulador facultativo e menos aulas práticas

    Começam a valer a partir da próxima segunda-feira (16) as novas regras para tirar a carteira nacional de habilitação (CNH). As mudanças foram publicadas na resolução n° 778/2019 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e preveem, entre outras alterações, a não obrigatoriedade do uso de simulador nas autoescolas e a redução na carga horária de aulas práticas noturnas.

    A expectativa é de que as novas normas provoquem uma redução no valor cobrado pelos centros de formação de condutores (CFCs). Quando foram publicadas, em junho, a estimativa do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, era de que o custo fosse reduzido em até 15% apenas considerando o uso facultativo dos simuladores.

    Simulador

    16 estados registram surto de sarampo; nordeste tem 6 regiões em crise

    Resultado de imagem para sarampoO Brasil registrou 3.339 casos confirmados de sarampo em 16 estados, nos últimos 90 dias, segundo balanço divulgado na última sexta-feira (13) pelo Ministério da Saúde. Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul passaram a fazer parte da lista de estados com surto ativo. O último boletim aponta que são 24.011 casos suspeitos no país, sendo que 17.713 (73,8%) estão em investigação e 2.957 (12,3%) foram descartados. Neste ano, foram confirmados quatro mortes por Sarampo. Três em crianças com menos de 1 ano de idade e um homem de 42 anos. Nenhum dos quatro haviam sido vacinados.

    São Paulo segue como o estado com a maior parte dos casos confirmados, 97, 5% (3.254), seguido do Rio de Janeiro (18), Pernambuco (13), Minas Gerais (13), Santa Catarina (12), Paraná (7), Rio Grande do Sul (7), Maranhão (3), Goiás (3), Distrito Federal (3), Mato Grosso do Sul (1), Espírito Santo (1), Piauí (1), Rio Grande do Norte (1), Bahia (1) e Sergipe (1).

    Crise Financeira; A exemplo de Bento Fernandes, pequenas cidades do RN estão à beira da falência

    A crise que levou o prefeito de Bento Fernandes, Júnior Marques, a decretar falência financeira não atinge somente a cidade. Levantamento publicado em reportagem deste domingo (15) na Tribuna do Norte aponta que 66 cidades do RN não conseguem pagar prestadores de serviços e 91 cidades gastam mais da metade de recursos somente com a folha de pagamento de servidores.

    Sem o crescimento econômico expressivo do país, esses municípios passam a sofrer com a elevação automática dos gastos com servidores, ao mesmo tempo que não possuem aumento das receitas.

    No município de Pureza, por exemplo, em 2010 a prefeitura gastava 55% do que arrecadava com o pagamento dos salários. No segundo bimestre de 2019 esse percentual chegou a 92,4%, de acordo com dados do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

    Com informações da Tribuna do Norte.