• Últimas Notícias

    segunda-feira, 27 de maio de 2019

    Sinistro: Gabriel Diniz é o terceiro ex-vocalista da Cavaleiros do Forró a morrer em um acidente

    Eliza Clívia à esquerda, José Inácio e Gabriel Diniz à direita. Foto: Reprodução/Internet
    liza Clívia à esquerda, José Inácio e Gabriel Diniz à direita. Foto: Reprodução/Internet
    Sucesso absoluto com os hits Jenifer e Acabou, acabou o cantor Gabriel Diniz se tornou um dos principais representantes do forró moderno no Brasil. Conhecido pela sua irreverência e por apresentações repletas de bom humor e figurinos extravagantes, o mato-grossense faleceu nesta segunda-feira (27), aos 28 anos, vítima de um acidente aéreo, no povoado de Porto do Mato, localizado no município de Estância, no Sul de Sergipe. Natural de Campo Grande, capital do Mato-Grosso do Sul, o cantor que iniciou sua trajetória no mundo da música ainda na adolescência teve passagens pelas bandas Forró da Farra, Capim com Mel e Cavaleiros do Forró, até ingressar na carreira solo. 

    De forma triste e assustadora, a tragédia com Diniz marca uma infeliz coincidência para o meio musical, pois, Gabriel é o terceiro ex-vocalista da Cavaleiros do Forró a morrer em um acidente. Anteriormente, respectivamente em 2005 e em 2017, os cantores José Inácio e Eliza Clívia também foram vítimas fatais de tragédias automobilísticas. Além deles, o grupo também já perdeu o guitarrista, Edivan Paulo da Silva, em uma colisão entre dois ônibus. 

    Relembre as tragédias 

    No ano de 2005, um acidente envolvendo dois ônibus no Rio Grande do Norte provocou a morte de quatro pessoas. Entre as vítimas fatais, o vocalista do Cavaleiros do Forró, José Inácio Alexandre da Silva, e o guitarrista, Edivan Paulo da Silva.

    Já em 2017, a cantora Eliza Clívia morreu em uma colisão no trânsito em Aracaju, Sergipe, à caminho de uma apresentação numa emissora de televisão local. Eliza foi vocalista do grupo entre os anos de 2003 e 2013, chegando a trabalhar com GD na Cavaleiros de 2010 a 2011, participando do 5º DVD do grupo.

    Diário de Pernambuco

    Governo do AM confirma 42 novas mortes em presídios; total chega a 57

    O governo do Amazonas informou que foram encontrados, nesta segunda-feira (27), 42 detentos mortos. De acordo com a secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap), as mortes ocorreram no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 1), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), todos localizados em Manaus (AM). Os corpos apresentavam indícios de morte por asfixia.

    As mortes ocorrem um dia após 15 detentos do Compaj terem sido assassinados. Ao todo, o número de mortos no sistema prisional chega a 57. 

    Por meio de nota, o Ministério da Justiça e Segurança Pública disse que enviará uma Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) para atuar no complexo penitenciário. Segundo o comunicado da pasta, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) aguarda a formalização do pedido, mas já está tomando as providências para o deslocamento da equipe. O governo do Amazonas informou que já oficializou a solicitação de atuação de uma equipe de intervenção prisional para o estado.

    Governo do Estado vai contratar 122 agentes penitenciários este ano

    O Governo do Estado mantém o compromisso de reforçar o sistema penitenciário do RN e confirmou a nomeação de 122 novos agentes penitenciários concursados dentro do limite das vagas em aberto.

    As convocações estão previstas para os meses de julho e outubro.

    O anúncio foi feito pelo vice-governador Antenor Roberto (PCdoB), após reunião com uma comissão de representantes dos concursados e mais o chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, os secretários estaduais da Justiça e Cidadania (Sejuc), Pedro Florêncio, da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), Francisco Araújo, e o procurador geral do Estado (PGE), Luís Antonio Marinho, nesta segunda-feira (27).

    Falta de energia afeta abastecimento de 30 cidades, informa Caern

    A Companhia Águas e Esgotos do RN (Caern) esclarece que em decorrência de uma falta de energia na comunidade de Timbaúba, no município de Monte Alegre, ficou paralisada a Estação de Bombeamento (EB 02).

    A parada ocorreu entre 12h e 20h desta segunda-feira (27), frisa informação da assessoria de imprensa da companhia, na capital do estado.

    O equipamento pertence ao sistema adutor Monsenhor Expedito que atende 30 cidades da região Agreste-Trairi.

    A normalização do abastecimento deve ocorrer até às 12h desta terça-feira (28).

    As cidades atendidas pela Adutora Monsenhor Expedito são: Rui Barbosa, São Pedro, São Tomé, São Paulo do Potengi, Japi, Coronel Ezequiel, Jaçanã, São Bento do Trairi, Lajes Pintadas, São José de Campestre, Serrinha, Sítio Novo, Boa Saúde, Serra Caiada, Lagoa de Velhos, Barcelona, Bom Jesus, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Tangará, Santa Cruz, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Lagoa D`Anta, Monte Alegre, Ielmo Marinho, Santa Maria, Senador Elói de Souza e Campo Redondo.

    Lava Jato reconhece que dono do sítio de Atibaia é Bittar e autoriza venda

    Apesar de acusar e condenar Lula de ser dono do sítio de Atibaia, e ter recebido vantagens indevidas por meio de reformas no imóvel, os procuradores da Lava Jato de Curitiba reconheceram o direito do real dono do sítio, o empresário Fernando Bittar, e autorizaram vender a propriedade.

    “O Ministério Público Federal se manifesta favoravelmente ao pedido formulado por Fernando Bittar, requerendo seja realizada a avaliação judicial do sítio Santa Bárbara e após, para que o requerente realize a venda”, admitem os procuradores.

    A força-tarefa da Lava Jato acusou o petista de receber R$ 1 milhão em propinas referentes às reformas do imóvel, que está em nome de Fernando Bittar, filho do amigo de Lula Jacó Bittar, ex-prefeito de Campinas (SP).

    Ministério da Saúde abre inscrições para o programa Mais Médicos

    Da Agência Brasil

    Uma nova rodada de inscrições para o Programa Mais Médicos foi aberta hoje (27) e prossegue até quarta-feira (29). São oferecidas 2.212 vagas para o atendimento na atenção primária à saúde em cerca de 1.185 municípios e 13 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs). As inscrições são feitas exclusivamente pela internet.

    A prioridade no preenchimento das vagas será para médicos formados e habilitados com registro em qualquer Conselho Regional de Medicina do Brasil. Os candidatos inscritos devem acessar o sistema do Mais Médicos na internet entre os dias 6 e 7 de junho para indicar o local onde querem trabalhar dentre as vagas disponíveis.

    A expectativa do Ministério da Saúde é que os médicos comecem atender em junho. De acordo com a pasta, essa nova etapa do programa deve reforçar a assistência na atenção primária a mais de 6 milhões de pessoas que vivem nas áreas mais vulneráveis do país.

    No caso de vagas remanescentes dessa 1ª etapa, será feito um chamamento público aos brasileiros formados em outros países e que já tenham habilitação para o exercício da medicina no exterior.

    O edital do 18° ciclo dos Mais Médicos foi publicado no Diário Oficial da União do dia 13 de maio e traz detalhes sobre os documentos que devem ser apresentados pelos candidatos. Dessa vez, toda a documentação deverá ser enviada pela internet já no ato de inscrição. A mudança fará com que apenas profissionais já habilitados participem do chamamento público, otimizando tempo e recurso.

    Familiares e assessoria confirmam morte de Gabriel Diniz após queda de avião

    Resultado de imagem para imagens avião a morte gabriel dinizUm familiar do cantor Gabriel Diniz, dono do hit Jenifer, confirmou a morte do artista após um acidente aéreo na tarde desta segunda-feira (27), em Sergipe. O avião bimotor em que o cantor estava caiu no povoado Porto do Mato, em Estância (SE).

    O artista tinha feito um show em Feira de Santana (BA), e seguia para Maceió. Os documentos de Gabriel Diniz foram encontrados nos escombros do acidente. 

    A informação inicial é que além do cantor, outras três pessoas estariam na aeronave.

    De acordo com uma moradora do local, que conversou com o G1, o avião passou por cima da casa dela e caiu em seguida. (Com informações de Massa News)

    Gabriel Diniz estava a caminho de João Pessoa, onde encontraria sua namorada

    Um avião de pequeno porte caiu no Sergipe nesta segunda-feira, 27, e foram encontrados documentos do cantor Gabriel Diniz, do sucesso “Jenifer”, hit do Carnaval 2019.

    A assessoria de imprensa do cantor confirmou ao programa “Balanço Geral”, da TV Record, que ele estava no vôo.

    Gabriel Diniz estava a caminho de João Pessoa, onde encontraria sua namorada.

    Avião cai com cantor Gabriel Diniz em Sergipe

    A assessoria do cantor Gabriel Diniz confirmou que o cantor estaria em uma aeraonave que caiu na manhã desta segunda-feira em sergipe.

    Um morador da região conversou com o TNH1, por telefone, e disse que muitas pessoas foram ao local da queda e teriam encontrado apenas destroços da aeronave. Não havia nenhuma vítima.
    Segundo o portal A8 Sergipe, Defesa Civil do município de Estância, Corpo de Bombeiros e Grupamento Tático Aéreo foram acionados e estão em deslocamento, a informação é de moradores que ouviram uma explosão e depois destroços foram vistos no chão, com roupas masculinas e femininas.

    A informação é que o avião ficou enterrado no mangue, local de difícil acesso, chove forte na região, o que dificulta ainda mais as buscas.

    Pescadores encontraram ainda documentos com o nome do cantor Gabriel Diniz, o Portal A8SE continua apurando as informações.