• Últimas Notícias

    quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

    Vazamento em Brumadinho deve atingir a bacia do rio São Francisco em duas semanas

    No dia 15 de fevereiro, uma das bacias mais importantes para a agricultura brasileira será contaminada por rejeitos da extração de minério - Créditos: Valter Campanato/EBC
    No dia 15 de fevereiro, uma das bacias mais importantes para a agricultura brasileira será contaminada por rejeitos da extração de minério / Valter Campanato/EBC
    A lama tóxica que vazou da barragem de rejeitos da extração de minério de ferro, em Brumadinho (MG), chegará à região de Três Marias, onde se encontrará com a bacia do rio São Francisco, por volta do dia 15 de fevereiro. Essa é a previsão do Serviço Geológico Brasileiro (CPRM), segundo o qual os rejeitos da extração de minério de ferro da mineradora Vale terão percorrido cerca de 300 km pela bacia do rio Paraopeba em duas semanas.

    A bacia da rio São Francisco abrange 505 municípios de seis estados, onde vivem 18 milhões de brasileiros, de acordo com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

    Do ponto de vista econômico, o rio conhecido como "Velho Chico" contribui para geração de energia hidrelétrica e para a fruticultura irrigada – principalmente no polo Juazeiro–Petrolina, entre Bahia e Pernambuco, onde se localiza a maior produção nacional de manga e uva para exportação. Por Brasil de Fato

    Prouni começa nesta quinta-feira (31)

    O programa que seleciona estudantes para bolsas em universidades privadas tem inscrições completamente online e gratuitas - Créditos: Arquivo/Agência Brasil
     programa que seleciona estudantes para bolsas em universidades privadas tem inscrições completamente online e gratuitas / Arquivo/Agência Brasil
    Com o fim dos prazos do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), que se encerrou no último domingo (27), o governo federal abriu a seleção de estudantes para as vagas no Programa Universidade Para Todos (ProUni). O programa seleciona estudantes para receber bolsas de 50% ou 100% em universidades privadas brasileira durante todo o curso a partir da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). A inscrição começa nesta quinta-feira (31) e se encerra no domingo (3) às 23h59 no horário de Brasília.

    Para participar é necessário ter perfil socioeconômico do programa, que leva em conta a renda familiar e o público ao qual o programa é destinado. Podem participar aqueles que fizeram ensino médio em escola pública ou em instituições privadas mas com bolsas integrais, portadores de deficiência e professores da rede pública de ensino (para os cursos de pedagogia e licenciatura). Outro pré-requisito é ter conseguido uma média superior a 450 pontos no ENEM e uma pontuação superior a zero na redação.

    O critério para a opção das bolsas é baseado na renda familiar per capita. Se o valor for inferior a 1,5 salário mínimo, o estudante pode concorrer bolsas integrais, de 100%. Já se a renda per capita for entre 1,5 e inferior e 3 salários mínimos, a bolsa é de 50%.