• Últimas Notícias

    quinta-feira, 13 de setembro de 2018

    Jaques Wagner defende PT e PSDB juntos caso Bolsonaro passe para 2º turno

    Resultado de imagem para jaques wagner e alckmin
    O ex-ministro da Casa Civil Jaques Wagner defendeu nesta quinta-feira (13) que os partidos do campo democrático devem se unir caso o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, passe para o segundo turno na disputa presidencial.

    O petista defendeu inclusive uma eventual aliança entre PT e PSDB para derrotar o militar caso esse cenário se confirme e disse que dialogará "com muito gosto" com os tucanos caso seu partido lhe dê essa missão. "Esse jogo de canto de rua não está ajudando a gente. Só está ajudando a nascer coisa ruim na política", disse.

    Na chegada para a posse do ministro Dias Toffoli como novo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Jaques lembrou que os dois partidos têm uma origem em comum, apesar de terem caminhado para campos adversários.

    Folhapress

    Eleições 2018 serão auxiliadas por mais de 26 mil militares

    Militar auxilia logística das eleições
    TSE pode liberar a presença das Forças Armadas nas localidades até o dia da votação
     Foto: João Evangelista/FAB
    Mais de 26 mil militares irão garantir a segurança das eleições de 2018, informa o Ministério da Defesa. Até agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já permitiu a presença das Forças Armadas em 370 localidades de sete estados: Acre (11 localidades); Ceará (5); Maranhão (72); Mato Grosso do Sul (4); Piauí (112); Rio de Janeiro (69) e Rio Grande do Norte (97).

    Além disso, as tropas irão ajudar na logística do pleito, por meio do transporte de funcionários e urnas, em cinco estados: Acre (41 localidades); Amazonas (25); Amapá (5); Mato Grosso do Sul (97) e Roraima (26). Quando desempenham auxílio logístico, os militares são sempre acompanhados por servidores da Justiça Eleitoral, segundo informa o site do Minstério da Defesa.

    A presença dos militares tem como objetivo assegurar a normalidade da votação e da apuração dos resultados. A solicitação da presença é feita pelos tribunais regionais eleitorais e avaliada pelo TSE, que pode liberá-la até o dia das eleições. Posteriormente, a corte superior encaminha as liberações para o Ministério da Defesa.


    Ação no TRE pede cassação de candidatura de Robinson Faria ao governo

    O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE) vai julgar uma ação de investigação judicial eleitoral contra o governador Robinson Faria (PSD), candidato à reeleição. A ação é movida pelo diretório estadual do PSOL e acusa o governador, bem como seu companheiro de chapa, Tião Couto (PR), por abuso de poder econômico. 

    O fator que motiva o pedido de investigação é a inauguração do inacabado Complexo Viário da Redinha, em Natal. O caso, que tem como relator o desembargador Cornélio Alves, pode levar à cassação da candidatura da chapa encabeçada por Robinson, caso o TRE atenda à solicitação do PSOL.

    Segundo a peça formulada pelos advogados do PSOL, Kennedy Diógenes e Sanderson Mafra, o governador Robinson Faria cometeu abuso de poder político ao inaugurar, em 5 de julho passado, o complexo viário da Redinha, uma obra que está apenas parcialmente finalizada. Das três etapas do projeto, apenas uma está pronta: a construção do viaduto, com a liberação inicial do trecho da avenida Conselheiro Tristão. 

    Servidores públicos poderão reduzir jornada de trabalho

    Servidores públicos federais poderão pedir redução de jornada de oito horas diárias para seis ou quatro horas por dia, com redução proporcional da remuneração. É o que estabelece a Instrução Normativa nº 2 do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, publicada hoje (13) no Diário Oficial da União.

    A medida vale para mais de 200 órgãos da administração pública federal direta, autarquias e fundações públicas federais e estabelece ainda os critérios e procedimentos relativos à jornada de trabalho, ao controle de horários na acumulação de cargos, empregos e funções, ao banco de horas e à utilização do sobreaviso para servidores públicos federais.

    A redução de jornada deverá ser autorizada observado-se o interesse da administração pública, e poderá ser revertida novamente em integral, a pedido do servidor ou por decisão do órgão.

    Servidores de alguns cargos e carreiras não poderão requerer o benefício, como advogados e assistentes jurídicos da Advocacia-Geral da União ou órgãos vinculados; delegados, escrivães e policiais federais; e auditores-fiscais da Receita Federal, Previdência Social e do Trabalho. Também não é permitida a concessão de jornada reduzida aos servidores efetivos submetidos à dedicação exclusiva ou sujeitos à duração de trabalho prevista em leis especiais.

    Monstro: “Tá duvidando?”, disse pai antes de atirar e matar filho de 6 meses

    Reprodução
    Mãe da criança contou à polícia que marido perguntou se ele teria coragem de atirar.
    E “acredita ter apagado” após disparo
    Há muito ainda a esclarecer sobre a morte do bebê Michel Salustiano, de apenas 6 meses, assassinado pelo próprio pai, Maycon Salustiano Silva, 25 anos, com um tiro de garrucha no peito. O crime ocorreu na madrugada de quarta-feira (12/9), no Jardim Ingá, em Luziânia (GO), no Entono do DF. À polícia, a mãe da criança, Jennifer Ribeiro da Silva, 20, contou que o marido lhe apontou a arma após ela se negar a manter relações sexuais, virou a garrucha para o filho e perguntou: “Está duvidando?”. Depois, teria atirado na criança.

    ReproduçãoA jovem afirmou ainda que “acredita ter apagado” e, quando acordou, encontrou o filho ensanguentado no chão. A polícia de Luziânia aguarda receber os laudos periciais e os exames toxicológicos para concluir a apuração. Apenas o homem foi preso. Ao ser questionado se matou o filho, ele não respondeu. Entretanto, disse estar arrependido e que agiu motivado pela bebida.

    Antes da tragédia, o casal havia consumido brigadeiro de maconha e bebido na companhia de dois amigos. Até essa parte da história, as versões dos pais do menino são iguais. Maycon admitiu que misturou a droga com vinho. O mecânico automotivo afirmou ter ido dormir e só se lembrar de quando acordou com o filho no chão.

    Já a mulher deu uma versão diferente. Segundo ela, quando estava pegando no sono, o marido começou a “falar besteiras, querendo transar”. Diante da negativa, o homem teria dito que “estava mandando” e os dois chegaram a lutar. Como não conseguiu o que queria, ele teria ido à cozinha beber água e voltou com a garrucha na mão.

    Banco do Brasil quer cobrar mais por serviços do plano de saúde

    Com um rombo que pode chegar a R$ 1 bilhão neste ano, a Cassi – plano de saúde dos funcionários do Banco do Brasil – vai tentar este mês alterar seu estatuto para aumentar a contribuição dos associados e reduzir despesas com a contratação de serviços médicos. A proposta para tentar salvar as finanças do plano, no entanto, esbarra na oposição da principal entidade que representa os trabalhadores.

    A Cassi é o primeiro plano de saúde de funcionários de estatais a tentar se adequar às novas exigências definidas no início do ano pelo governo para evitar que esses planos – que consomem cerca de R$ 10 bilhões por ano – continuem comprometendo até mesmo os resultados das empresas.

    Em média, o benefício de assistência saúde dos empregados ativos e inativos de estatais tem consumido 8,0% da folha de pagamento. Além disso, as empresas respondem em média por 77,2% da capitalização dos planos, enquanto o porcentual de contribuição dos funcionários é de apenas 22,8%.

    Governo do RN inicia Operação Natal Segura

    Resultado de imagem para Governo do RN inicia Operação Natal Segura
    O Governo do RN, por meio da Secretaria de Segurança Pública, inicia nesta sexta (14) a Operação Natal Segura, com barreiras policiais fixas 24 horas nas saídas da capital, para abordagem de carros, veículos de grande porte e motocicletas.

    A Operação Natal Segura foi planejada pelo setor de inteligência das polícias e faz parte de um conjunto de medidas que visam reduzir ainda mais os índices de violência, bem como intensificar o combate às facções criminosas e ao crime organizado, medidas já iniciadas com a Ronda Integrada em 2017. Prevista inicialmente para outubro, a operação foi antecipada devido à fuga de mais de cem detentos do sistema prisional da Paraíba, e por Natal ter sido Natal identificada pela inteligência da polícia como um possível alvo dos fugitivos. Outro fator que ensejou a antecipação da operação foi o aumento da criminalidade nos estados vizinhos, notadamente Ceará e Paraíba.

    A Operação Natal Segura reúne Polícia Militar e Polícia Civil, com o apoio da Polícia Rodoviária Federal. Segundo a Secretária de Segurança Sheila Freitas “com a ONS o bandido pode até entrar, mas vai ter muita dificuldade pra sair da cidade, e com isso vamos reduzir ainda mais os índices de roubo, que já caíram mais de 20% este ano, após o Ronda Integrada”. O Comandante da Polícia Militar, Coronel PM Osmar Oliveira, afirmou que “o ideal era termos iniciado esta operação ainda no primeiro semestre, mas a mesma exige forte planejamento e inteligência policial, bem como recursos extras, e agora sim estamos iniciando-a com força total”. A Delegada Geral de Polícia Adriana Shirley reforça que “o enfrentamento ao crime não tem trégua; todos os dias estamos planejando mais ações de combate e esta operação é mais um grande e importante passo neste sentido”.

    Governo do RN renova situação de emergência por causa da seca em 152 municípios

    O Governo do Rio Grande do Norte renovou, por mais 180 dias, o decreto de situação de emergência por causa da seca em 152 dos 167 municípios do estado – o que representa 91% dos municípios potiguares. Essa é a 11ª vez seguida que isso acontece. A publicação foi feita na edição desta quinta-feira (13) do Diário Oficial do Estado.

    O decreto leva em consideração análises técnicas que monitoram a questão da segurança hídrica no estado. O objetivo é facilitar o trâmite dos processos que envolvem obras e serviços para minimizar os prejuízos causados pela estiagem. No Rio Grande do Norte, faz 7 anos que as chuvas estão abaixo da média histórica.

    Segundo os dados da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sape), a escassez hídrica vem causando perdas de receitas de mais de R$ 4,3 bilhões por ano aos cofres públicos, o que representa uma redução superior a 50% na contribuição do setor rural para a formação do Produto Interno Bruto (PIB) do estado.

    De acordo com o Instituto de Gestão das Águas do Rio Grande do Norte (Igarn), atualmente uma situação “extremamente crítica” nos reservatórios. Dos 47 monitorados neste início de 2018, três estão totalmente secos e oito em volume morto.

    Chuvas

    Considerando os dados coletados pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte, a Emparn, no primeiro semestre deste ano foram registradas chuvas na maioria dos municípios potiguares, conduzindo à classificação nas seguintes categorias:


    Normal, chuvoso ou muito chuvoso: 84 municípios

    Seco: 33 municípios

    Muito seco: 21 municípios

    Sem informações pluviométricas: 29 municípios

    G1

    Bolsonaro passa por cirurgia de emergência em hospital

    O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) foi submetido a uma cirurgia de emergência na noite desta quarta-feira (12) no hospital Albert Einstein, em São Paulo. O procedimento durou pouco mais de uma hora e o candidato passa bem.

    A informação da cirurgia de emergência foi confirmada à Folha inicialmente pelo presidente da UDR (União Democrática Ruralista), Nabhan Garcia, que é amigo e apoiador de Bolsonaro.

    De acordo com o hospital Albert Einstein, Bolsonaro teve náuseas e foi submetido a uma tomografia. O resultado levou a equipe médica a submetê-lo a uma nova cirurgia, que durou cerca de uma hora, conduzida pelo médico Antônio Macedo.

    Foram retiradas aderências que obstruíram o intestino delgado, e corrigida uma fístula surgida em uma das suturas feitas na operação inicial após o atentado em Juiz de Fora, na quinta (6).

    Os médicos decidiram pela operação quando ficou claro que o quadro evoluiu para ou uma obstrução completa do intestino delgado ou para o risco de necrose de partes do órgão. São decorrências comuns em casos assim, e graves.

    O quadro clínico do capitão reformado piorou na manhã desta quarta (12), quando foi reintroduzida a alimentação venosa após ele ter reagido mal à tentativa de reiniciar o trânsito intestinal com o consumo de sólidos.

    O Albert Einstein informou ainda que não vai se manifestar até o próximo boletim médico, que deve ser divulgado às 10h desta quinta-feira (13)

    STF decide que pais não podem educar filhos em casa, sem matricular em escola

    O Supremo Tribunal Federal (STF) declarou nesta quarta-feira que não é permitido no Brasil o “homeschooling” – ou seja, a prática de educar alunos em casa, sem a frequência na escola. A maioria dos ministros concordou que a Constituição Federal não proíbe a prática. No entanto, como não há lei regulamentando o ensino domiciliar, não haveria como instituir essa alternativa no país. O caso tem repercussão geral. Portanto, a decisão da Corte deverá ser seguida por juízes de todo o país.

    Sete dos onze ministros formaram a maioria: Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Edson Fachin, Marco Aurélio Mello, Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Cármen Lúcia. Fachin chegou a propor o prazo de um ano para o Congresso Nacional regulamentar a prática, mas ninguém concordou com a medida.

    O GLOBO