• Últimas Notícias

    quarta-feira, 29 de agosto de 2018

    Mega-Sena acumula nesta quarta e prêmio vai a R$ 45 milhões

    Ninguém acertou as seis dezenas do concurso nº 2.073 da Mega-Sena realizado na noite desta quarta-feira (29) no município de São José do Cedro (SC).

    Veja as dezenas sorteadas: 12 - 15 - 18 - 30 - 52 - 55

    A quina teve 80 apostas ganhadoras; cada uma vai levar R$ 36.914,78.
    Outras 5.335 apostas acertaram a quadra; cada uma receberá R$ 790,78.
    O próximo concurso (2.074) será no sábado (1º). O prêmio é estimado em R$ 45 milhões.

    Última parcela do FPM de agosto será creditada nesta quinta-feira

    Será creditado nesta quinta-feira (30) nas contas das prefeituras brasileiras, o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) referente ao terceiro decêndio do mês.

    O valor é de R$ 1.880.894.705,38, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Em valores brutos, incluindo o Fundeb, o montante chega a R$ 2.351.118.381,73.

    De acordo com os dados da Secretária do Tesouro Nacional (STN), houve um crescimento, em comparação com o mesmo decêndio de 2017, de 11,38% em termos nominais, ou seja, comparando os valores sem considerar os efeitos da inflação.

    TSE pode julgar na sexta-feira o registro de candidatura de Lula

    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve convocar para a próxima sexta-feira (31) uma sessão extraordinária da Corte para analisar os últimos pedidos de registros de candidaturas para a presidência da República nas eleições de outubro. A motivação é o início da propaganda eleitoral no rádio e na televisão para o cargo, que começará no dia seguinte. 

    Por volta das 21h, a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, assinou a decisão na qual convocou a sessão extraordinária para sexta-feira (31), às 14h30. 

    Na sessão, pode ser julgado o pedido de registro do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No entanto, a pauta de julgamentos ainda não foi divulgada. 

    Lula está preso desde 7 de abril na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, em função de sua condenação a 12 anos e um mês de prisão na ação penal do caso do triplex em Guarujá (SP). 

    Em tese, o ex-presidente estaria enquadrado no artigo da Lei da Ficha Limpa que impede a candidatura de condenados por órgãos colegiados. No entanto, o pedido de registro e a possível inelegibilidade precisam ser analisados pelo TSE até 17 de setembro.

    Agência Brasil

    Serra de São Bento/RN: mãe e filho são mortos a tiros dentro de residência na zona rural

    Foto extraído do Blog Erinilson Cunha
    Uma dupla execução ocorreu por volta das 19 horas dessa quarta-feira (29) na zona rural de Serra de São Bento, cerca de 130 km da capital, na região Agreste. Segundo informações iniciais, mãe e filho foram mortos com diversos disparos de arma de fogo na comunidade rural conhecida por Serra do Meio, a 2 km da sede do município.

    Ainda segundo informações, as vítimas foram assassinadas dentro da residência que é vizinha a um bar da família e identificadas pelos nomes de Palmira Batista Morais, 45 anos (mãe) e Francisco do Nascimento Morais, 18 anos.

    A Policia Militar se deslocou até o local e constatados os crimes acionaram o Itep para os procedimentos de praxe e remoção dos corpos para Natal. 

    Não se sabe até o momento quem são os responsáveis e os motivos que levaram os criminosos a cometer esse duplo homicídio.

    As investigações ficarão a cargo da Polícia Civil.

    JK STUDIO E CARTUCHOS - (84) 9-9994-3327 OU (84) 9-8892-1572


    Por 6 votos a 1, TSE nega pedido de Lula para ter tempo de campanha na TV

    Por 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou, na noite desta terça-feira, um pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para que as emissoras de TV façam a cobertura da campanha do petista, que está preso em Curitiba, da mesma forma que produzem conteúdo relacionado a outros candidatos. Os canais de TV questionados pelo petista eram TV Globo, TV Ômega Ltda., Bandeirantes, Record e SBT.

    O petista está preso em Curitiba e já foi condenado em segunda instância. A Lei da Ficha Limpa não permite candidaturas nessas situações. Apesar disso, o PT insiste na candidatura do ex-presidente, que tem sido representado por Fernando Haddad, registrado no TSE como vice de Lula. Apenas o ministro Napoleão Nunes Maia divergiu do entendimento da maioria.

    Relator do pedido do petista, o ministro Sérgio Banhos disse ser “flagrantemente inviável” conceder ao petista o mesmo tratamento na programação das emissoras em relação aos demais candidatos já que, “por estar impossibilitado de fazer campanha, não tem agenda a ser divulgada”.

    Na petição protocolada por advogados de Lula e da coligação “O Povo Feliz de Novo”, que inclui PT, PCdoB e PROS, a defesa alegou que alguns canais de TV “omitem de sua programação comum a existência da campanha de Lula”.

    Globo

    Correios passam a cobrar taxa de R$ 15 por encomendas internacionais

    As encomendas internacionais que chegarem ao Brasil pelos Correios passam agora a ser taxadas por uma cobrança do despacho postal. O valor cobrado será de R$ 15. Segundo a empresa, o prazo de entrega do objeto passa a contar a partir da data da confirmação do pagamento.

    Nos últimos anos, o serviço era cobrado apenas para os objetos tributados pela Receita Federal. Os Correios informaram que, com o aumento das importações, a empresa precisou injetar mais recursos na operação para manter o padrão do serviço.

    A empresa esclareceu ainda que o despacho postal não é o mesmo serviço de frete. Refere-se às atividades de suporte ao tratamento aduaneiro, como recebimento dos objetos e inspeção por raios-X, formalização da importação no sistema da Receita Federal e tratamento de eventuais inconformidades (objetos proibidos, perigosos ou com exigências específicas).

    Rastreamento de produtos

    Os destinatários que estiverem aguardando encomendas do exterior devem acessar o rastreamento de objetos no link e realizar o pagamento do despacho postal por meio de boleto ou cartão de crédito.

    Outras informações e orientações sobre os procedimentos para pagamento e liberação das encomendas estão disponíveis no link: https://www.correios.com.br/encomendas-logistica/minhas-importacoes

    Por EXTRA

    Lutando contra o câncer na próstata e na bexiga, Beto Barbosa lamenta anos de vício em cigarro: ''Envenenei meu corpo''

    Beto Barbosa publicou um texto sincero sobre seus antigos vícios na manhã desta quarta-feira, 29. Recentemente, o cantor vem dividindo sua luta contra o câncer com seus seguidores.

    Há poucos dias, ele compartilhou que estava prestes a enfrentar sua primeira sessão de quimioterapia, e depois contou como foi o início do tratamento.

    Nesta quarta, o Rei da Lambada continuou publicando mais detalhes sobre as consequências de sua doença. Ele aproveitou o Dia Mundial do Tabagismo para falar sobre a depedência que teve em cigarro por anos. "Pena que não acreditei nos seus efeitos nocivos e, por muitos anos envenenei meu corpo achando que seus efeitos psicológicos me acalmavam a cada café. Havia parado, mas os extragos se tornaram atômicos e reais. Errei também na escolha de quem me tratou por um ano em Fortaleza como se eu tivesse apenas infecção urinária, e um ano para o câncer é uma vida que se vai, se os 50% vencer os 50 % de chances de cura", escreveu na legenda da foto.

    Como anda costumando fazer em seus último textos, Beto ainda aproveitou para agredecer os médicos, familiares e fãs. "Agradeço mais uma vez a Deus e aos médicos do Einstein, Dr. Longo, Dr Fernando Mafuf e sua equipe de médicos, psicólogos , dentistas e enfermeiros, para que eu possa neste momento suportar as químios e o tratamento de cura que já estou enfrentando. Continuo suportando tudo com a felicidade mágica de Deus, sem reclamações por tantas mudanças inesperadas da noite para o dia. Graças a Deus, o câncer ainda não me roubou a vontade de viver e vencer a cada dia. A meta é continuar malhando o corpo e a mente todos os dias para que os shows de contrato aconteçam em nome de Deus, fãs, amigas, amigos, familiares e empresários que nos ajudam nestes 33 anos de carreira. Obrigado Brasil por tudo...Amo vocês. Bom dia. Deus sempre!", finalizou o cantor. 

    CARAS

    FIERN divulgará pesquisa sobre eleições 2018 domingo pelo Twitter

    A partir das 7h de domingo (02) a Federação das Indústrias do Estado do RN (FIERN) inicia, através do seu perfil no Twitter (www.twitter.com/sistemafiern), a divulgação da terceira pesquisa eleitoral contratada, com exclusividade, junto à empresa Certus.

    A primeira saiu no dia 06 de maio e a segunda no dia 29 de julho, adianta informação veiculada pela página virtual da instituição. Às 12 horas do domingo, a pesquisa estará disponível na íntegra no portal da FIERN (www.fiern.org.br).

    A pesquisa “Retratos da Sociedade Potiguar 2018” é realizada em todo o estado pela Certus para a Federação e revela quem são os preferidos dos eleitores para a Presidência da República, Governo do Estado e Senado Federal.

    O levantamento também mede a rejeição dos pré-candidatos à presidência da república, ao governo do estado e ao Senado, bem como apura os índices de rejeição do presidente Michel Temer e do governador Robinson Faria.

    A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com os números RN-06196/2018 e BR-07862/2018.

    46% dos inadimplentes não acreditam que vão conseguir pagar dívida nos próximos três meses, apontam CNDL/SPC Brasil

    O Brasil saiu da recessão, mas os efeitos da crise seguem impactando o bolso do cidadão brasileiro. Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) apenas com consumidores inadimplentes mostra que 46% dos que estão com contas em atraso não acreditamque terão condições financeiras de pagar o que devem pelos próximos três meses. O percentual se manteve estável na comparação com 2017, quando foi de 48%. De forma contrária, 49% dos inadimplentes confiam que vão conseguir regularizar a situação, sendo que 36% planejam quitar todo o valor e 13% apenas parte dele.

    Na avaliação do presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior, os dados reforçam a percepção de que após um ano, as pessoas seguem em dificuldades financeiras, mesmo com alguns sinais tímidos de melhora da economia. “O ritmo atual de retomada está longe de produzir efeitos benéficos diretamente na vida de muitas pessoas, que veem as dívidas se acumulando e enfrentam dificuldades para honrar compromissos assumidos. Embora a inflação permaneça controlada e a taxa básica de juros esteja em seu menor nível histórico, o grande número de pessoas sem emprego prova que os reflexos da crise ainda se fazem presentes do dia a dia de milhões de brasileiros”, explica o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior.

    Proibição para homossexuais homens doarem sangue é julgada inconstitucional pelo TJRN

    Os desembargadores que integram o Pleno do Tribunal de Justiça do RN decidiram, na sessão desta quarta-feira (29), que restringir a doação de sangue de homens homossexuais é inconstitucional. A declaração ocorreu no julgamento de uma Arguição de Inconstitucionalidade em Apelação Cível, movida por um doador de sangue impedido de efetuar o ato, quando no processo de triagem, afirmou ter tido relações sexuais com outros homens nos últimos 12 meses. O impedimento no centro de coleta foi feito com base na Resolução nº 153/2004, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

    O autor da ação – que exercia a doação desde 2007 – alegou que a Resolução da Anvisa é “discriminatória e anticonstitucional”. O relator do recurso, desembargador Cornélio Alves, acolheu o pleito. O voto foi acompanhado, à unanimidade, pelos demais integrantes do Tribunal Pleno para declarar a inconstitucionalidade do Item B. 5.2.7.2, Letra "D", do Anexo I, do dispositivo publicado pelo órgão regulador federal.

    De acordo com o desembargador Cornélio Alves, os preceitos da Resolução ferem os princípios da dignidade da pessoa humana e ao dever de promoção do bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação, e afronta aos direitos fundamentais à igualdade e à saúde.

    “Não há grupo de risco. O que existe são comportamentos de risco, como uso de drogas, vários parceiros. E qualquer pessoa pode oferecer riscos no ato da doação. Não é por ser homossexual que isso vai ocorrer”, enfatizou Cornélio Alves.

    Segundo o voto, não há relato de experiência civilizatória humana onde a aceitação da violência e discriminação, em qualquer de suas acepções, de um grupo sobre outro, tenha levado ao desenvolvimento de uma sociedade justa, onde todos tenham as mesmas possibilidades de desenvolvimento de suas capacidades.

    “Se ele tivesse mentido, ao não mencionar que tem uma relação sexual com seu parceiro, teria feito a doação. Essa norma da Anvisa é o tipo de norma que podemos chamar de inócua”, completou o desembargador Amaury Moura, seguido pelo mesmo argumento pelos desembargadores Amílcar Maia e Claudio Santos.

    O fato ocorreu no dia 28 de novembro de 2010. Ao se apresentar voluntariamente como candidato à doação de sangue, no Hemocentro Dalton Barbosa Cunha, o doador foi impedido de efetivar o ato, quando, no processo de triagem, afirmou ter tido relações sexuais com outros homens nos últimos 12 meses. O doador ingressou com uma ação por danos morais na 1ª Vara Cível da Comarca de Pau dos Ferros, mas o pedido foi negado e, por tal razão, ingressou com recurso junto ao 2º Grau da Justiça potiguar, apreciada pela 1ª Câmara Cível, que decidiu por unanimidade a inconstitucionalidade da norma.

    “Contudo, a declaração deve passar pelo Pleno do Tribunal para ser considerada válida, conforme os termos do artigo 97 da Constituição Federal, o qual prescreve que somente pelo voto da maioria absoluta de seus membros ou dos membros do respectivo órgão especial os Tribunais podem declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do Poder Público”, esclarece o desembargador Cornélio Alves, ao ressaltar que o feito voltará à Câmara Cível.

    “Retorna já esta semana, onde julgaremos os pedidos de indenização e o de obrigação de fazer, que é a proibição para o Hemocentro não vetar mais tal forma de doação”, acrescentou o relator.

    (Arguição de Inconstitucionalidade em Apelação Cível nº 2014002437-1