• Últimas Notícias

    quarta-feira, 27 de junho de 2018

    Boatos na internet sobre traficantes de crianças causam onda de linchamentos

    Foto: SAM PANTHAKY / STR
    Boatos no WhatsApp sobre traficantes de crianças estão provocando uma onda de violência na Índia e levou a polícia a pedir nesta quarta-feira que a população ignore os alertas na internet. Linchamentos já causaram a morte de uma pessoa e deixaram várias outras feridas após informações falsas de que 300 traficantes teriam chegado ao estado de Gujarat, no Oeste do país, para sequestar crianças e depois vendê-las. No último ano, rumores sobre supostos sequestradores já teriam ocasionado ao menos 22 mortes em toda a Índia.

    “Não se deixem levar pelas mensagens falsas, ou pelos boatos nas redes sociais, e não ataquem ninguém com base em suspeitas”, pediu a Polícia estadual em um comunicado.

    A Índia vem enfrentando nos últimos anos diversos episódios similares, quando boatos divulgados pelo WhatsApp acabam causando linchamentos. Na terça, na cidade de Ahemdabad, cerca de 100 pessoas atacaram uma mendiga de 45 anos, identificada como Shantadevi Nath, e outras três mulheres, acusando-as de serem membros dos grupos de traficantes descritos nas mensagens. Shantadevi Nath morreu pouco depois no hospital.

    Petrobras anuncia aumento de 1,3% no preço da gasolina nas refinarias

    A Petrobras anunciou nesa terça (27) um aumento de 1,3% no preço da gasolina em suas refinarias. A partir de amanhã (28), o preço do litro do combustível aumentará R$ 0,02, passando de R$ 1,8783 para R$ 1,9027, segundo noticiou o site Agência Brasil.

    Apesar do reajuste, a gasolina acumula queda de R$ 0,06, ou seja, de 3,27% em junho.

    Brasil cai na chave de campeões e pode ter França ou Argentina na semifinal

    O Brasil garantiu a liderança do Grupo E ao vencer a Sérvia por 2 a 0 nesta quarta-feira (27). Apesar de avançar às oitavas de final com a melhor campanha da chave – à frente da Suíça – a seleção brasileira tem um motivo para ficar em alerta: o chaveamento para buscar o hexa na Rússia promete várias pedreiras pelo caminho.

    Com os confrontos já definidos até agora, o Brasil fica na rota de três campeões mundiais. Caso chegue nas semifinais, a equipe comandada por Tite pode ter como adversário França, Argentina ou Uruguai.

    Justiça Federal aceita denúncia contra ex-governador Beto Richa(PSDB)

    A Justiça Federal no Paraná acolheu uma denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF), em 2009, contra o ex-governador Beto Richa (PSDB), que terá de responder judicialmente à acusação de que, quando prefeito de Curitiba, autorizou que R$ 100 mil destinados pelo Fundo Nacional da Saúde para a construção de postos de saúde fossem utilizados com outros fins.

    A decisão é do juiz Nivaldo Brunoni, da 23ª Vara da Justiça Federal, em Curitiba. Sem apreciar a procedência da denúncia de uso indevido de recursos federais, o magistrado apontou que ela contém “indícios suficientes de materialidade e autoria delitivas” e fixou o prazo de dez dias para que o ex-governador e candidato ao Senado apresente sua defesa, por escrito. Parte do processo correrá em segredo de Justiça.

    Polícia divulga fotos de 8 presos durante Operação Silêncio no município de Tangará

    Fotos cedidas pela Operação Silêncio
    A Polícia Civil divulgou agora a pouco fotos de oito presos na "Operação Silêncio" realizado contra o tráfico de drogas nas cidades de Tangará e teve como ponto base para os registros das prisões a cidade de Santa Cruz, ao todo, 15 pessoas foram presas nas cidades de São José do Campestre e Tangará em cumprimento a mandados de busca, apreensão e prisões, todos expedidos pela justiça e que envolveu nessa operação as polícias Civil e Militar.  Os nomes de todos serão divulgados ainda essa tarde. Pela assessoria de Polícia Civil

    Cartórios não podem registrar união poliafetiva, decide CNJ

    A Constituição Federal reconhece apenas a existência de casais monogâmicos, por isso não é possível que cartórios registrem a união poliafetiva — relação estável com mais de duas pessoas. Assim entendeu o Conselho Nacional de Justiça ao proibir que cartórios façam o registro de uniões poliafetivas.

    No julgamento, prevaleceu o voto do relator, ministro João Otávio de Noronha, que defendeu que atos notariais devem seguir o que está escrito na legislação. Para a maioria dos conselheiros, o documento atesta um ato de fé pública e implica o reconhecimento de direitos a receber herança ou previdência.

    O CNJ foi acionado a pedido da Associação de Direito de Família e das Sucessões (ADFAS) contra dois cartórios de comarcas paulistas, em São Vicente e em Tupã, que teriam lavrado documentos de uniões estáveis poliafetivas. Por Conjur

    Operação silêncio: Polícia prende 7 na manhã desta quarta (27) no município de São José do Campestre, vejam fotos

    Fotos cedidas pela Operação Silêncio
    Na manhã desta quarta-feira, 27, a delegacia de Polícia Civil de São José de Campestre juntamente com a polícia militar desta cidade, deflagrou a operação Silêncio, dando cumprimento a mandados de prisão expedidos pelo poder judiciário. Sete pessoas foram presas sendo três autuadas em flagrante delito. Os nomes por apelidos; Veio, João Piúba, Teinha, Felipinho, Juvenal e Tartaruga.

    A policia civil de Tangará também deu cumprimento a mandados de prisão da operação. 

    Na cidade de Campestre foram apreendidas três armas de fogo, munições, celulares, balanças de precisão, vasta quantidade de drogas e dinheiro. Na cidade de Tangará também houve prisões e foram apreendidas drogas, armas e munição. A polícia Civil afirma que os trabalhos vão continuar.

    Blog O Paralelo

    Supressão indevida de concurso gera improbidade para ex-prefeitos

    Por meio de ação civil pública foram condenados dois ex-prefeitos do município de Porto do Mangue, Francisco Victor dos Santos e Francisco Gomes Batista, pela prática de atos de improbidade administrativa. A ação foi proposta pelo Ministério Público estadual contra os atos dos dois mandatários que mantiveram em desvio de função 16 servidores concursados para o cargo de auxiliar de ensino, os quais na realidade exerciam cargo de professor, sem terem realizado novo concurso.

    Na sentença, produzida pelo Grupo de Julgamentos de Processos da Meta 4 do CNJ (improbidade administrativa e crimes contra a administração pública), é esclarecido que os cargos de auxiliar de ensino estavam previstos nos quadros administrativos da prefeitura, tendo esse fato sido comprovado por meio de testemunhas e documentos trazidos ao processo. Além disso, ressaltou que tais servidores “requereram o enquadramento na função de professor, tendo em vista que na prática já exerciam a referida função no mundo dos fatos” conforme extraído do depoimento das testemunhas processuais.

    Silêncio: Operação Policial realizada em Santa Cruz, Tangará e São José do Campestre

    Policias Civis e Militares na 9ª DRP de Santa Cruz (foto Édipo Natan)
    Uma mega operação envolvendo as Policias Civil e Militar está ocorrendo desde as primeiras horas dessa quarta-feira (27) nas cidade de Santa Cruz como ponto base para as cidades de Tangará e São José do Campestre. Batizada de Operação Silêncio, Policiais cumprem mandados de prisão, busca e apreenção nos municípios em repressão ao tráfico de drogas. Em instantes maiores informações

    Suprema loteria: azar de Lula, sorte de Dirceu

    Bernardo Mello Franco – Folha de S.Paulo

    Antes de ser preso pela última vez, em maio, José Dirceu organizou um jantar de despedida. Aos 72 anos, o ex-ministro temia não sair nunca mais da cadeia. Hoje se vê que ele exagerou no pessimismo. Logo mais, deve receber amigos em casa para assistir ao duelo entre Brasil e Sérvia.

    A reviravolta aconteceu na Segunda Turma do STF, onde se decide o futuro dos réus da Lava-Jato. Nos últimos tempos, o colegiado tem sido mais generoso com os acusados do que com os acusadores. Ontem, deu decisões favoráveis a políticos do PT, do PSDB e do PP.

    O caso de Dirceu seguiu a regra. O relator Edson Fachin, que tem sofrido derrotas em série, ficou isolado mais uma vez. Os ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski aprovaram a soltura do petista por três votos a um. O decano Celso de Mello não estava presente.

    A sessão foi tensa. Ao perceber que perderia a disputa, Fachin pediu vista do processo, numa tentativa de adiar a conclusão do julgamento e, ao mesmo tempo, a libertação do ex-chefe da Casa Civil.

    Toffoli se antecipou e concedeu o habeas corpus “de ofício”, alegando que a situação era excepcional. Os dois ministros engrenaram uma discussão, que por pouco não descambou em novo bate-boca.

    O resultado deu um sinal claro de que a Segunda Turma estava pronta para tirar Lula da cadeia. Isso não ocorreu ontem devido a outra manobra explícita de Fachin. Para evitar a derrota, o ministro direcionou o recurso do ex-presidente ao plenário do tribunal. Desta vez, conseguiu empurrar a decisão para agosto, o que manterá o petista preso em Curitiba.

    Dirceu teve sorte, Lula teve azar. Assim tem se decidido a vida dos réus no Supremo, onde decisões importantes passaram a obedecer à lógica da loteria. A depender do sorteio inicial, os advogados costumam saber de antemão o que vai acontecer com seus clientes.

    Alguns ministros falam abertamente sobre a divisão da Corte. A Primeira Turma, mais rígida, é chamada de “câmara de gás”. A Segunda Turma, mais garantista, de “Jardim do Éden". Quase todos fazem política com a toga, o que aumenta a sensação de que a balança da Justiça anda desregulada