• Últimas Notícias

    sexta-feira, 23 de março de 2018

    Professores da Rede Estadual não aceitam proposta do governo e entram em greve por tempo indeterminado

    Os trabalhadores em educação da Rede Estadual decidiram entrar em greve, por tempo indeterminado, na tarde desta quinta-feira (22). A deflagração aconteceu em assembleia da categoria, que estava repleta de professores, funcionários e profissionais aposentados.

    A principal reivindicação dos profissionais da educação estadual é o pagamento da correção de 6,81% do Piso Salarial 2018, que até o momento não aconteceu. Os trabalhadores não aceitaram nenhuma das propostas apresentadas pelo governo para implementar o Piso.

    Publicado edital de concurso para PM e Corpo de Bombeiros da PB

    Foi publicado, na edição desta sexta-feira (23) do Diário Oficial do Estado (DOE), o edital do concurso público para o curso de formação de soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba. O certame oferece 1 mil vagas, sendo 900 para a PM e 100 para os Bombeiros. Confira aqui o edital completo, a partir da página 12 do DOE.

    O concurso público de que trata o edital será composto de cinco etapas: exame intelectual, exame psicológico, exame de saúde, exame de aptidão física e avaliação social.

    As inscrições para serão feitas exclusivamente pela internet, no endereço eletrônico do IBFC, no período de 8h do dia 26 de março de 2018 até as 23h59 do dia 9 de abril de 2018, observado o horário de Brasília. O candidato deverá realizar a inscrição e gerar a guia de pagamento bancário somente pelo site do IBFC . O descumprimento desta instrução impossibilitará o candidato de participar do concurso. O valor de inscrição será de R$ 70.

    Os candidatos aprovados trabalharão em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva. A remuneração inicial será de R$ 3.202.

    Os gestores da Segurança Pública na Paraíba vão divulgar, nesta sexta-feira (23), todos os detalhes do edital. A apresentação será feita no Quartel do Comando Geral (QCG), às 10h, no Centro de João Pessoa.

    Com informações do Portal Correio

    Adiado: STF proíbe prisão de Lula até volta do julgamento, no dia 4

    A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu há pouco conceder uma liminar ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que impede a prisão dele até o julgamento do mérito do habeas corpus preventivo apresentado pelo ex-presidente à Corte. A decisão vale até o dia 4 de abril, quando a Corte deve voltar a julgar o habeas corpus apresentado por Lula.

    A conclusão do julgamento foi adiada porque os ministros julgaram uma preliminar da ação, fato que tomou todo o tempo da sessão.

    Essa decisão do Suprem não impede o julgamento do último recurso de Lula no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), previsto para a próxima segunda-feira (26). É o último recurso de Lula contra a condenação a 12 anos e um mês de prisão na ação penal do triplex do Guarujá (SP), no âmbito da Operação Lava Jato.