• Últimas Notícias

    segunda-feira, 27 de agosto de 2018

    Câmara aprova, em primeira votação, projeto de lei que proíbe ideologia de gênero nas escolas de Santa Cruz

    Resultado de imagem para ideologia de generoA Câmara Municipal de Santa Cruz, aprovou nesta segunda-feira (27) um projeto de lei que proíbe a discussão em salas de aula sobre qualquer assunto relacionado ao tema “ideologias de gênero” nas escolas da cidade.

    A proposta foi do vereador Presidente da Casa Legislativa, Monik Melo (PTN) e acabou sendo aprovada em primeira votação por 6 parlamentares que estavam presentes na sessão, de um total de 9 vereadores. O relator do das comissões que colocou o projeto em pauta de votação foi o Vereador Thiago Fonseca (MDB)

    Em clima tenso, a sessão contou com a presença de diversos grupos que são contrários ao projeto, a da comunidade LGBT, estudantes ligados a universidade e o IFRN. Por outro lado, a sociedade civil organizada, comerciantes, representantes de igrejas e profissionais liberais aplaudiam o projeto que proíbe que a ideologia de gênero que poderia ser aplicado para crianças da rede municipal de ensino.

    Votaram em apoio ao projeto os vereadores; 
    Monik Melo, Ana Fabrícia Pontes, Raimundo Fernandes, Tarcísio Reinaldo, Thiago Fonseca e Mário Farias.

    Os vereadores que votaram contra o projeto foram;
    Paulo César Beju e João Victor.

    Apenas o vereador Gean Paraibano se absteve de votar, e por conta de não definir sua posição saiu muito vaiado da Câmara por representantes dos contras e a favor do projeto que alí estavam. 

    A Câmara Municipal volta a se reunir para a segunda votação final desse projeto na próxima segunda-feira, dia 03 de setembro. Após a aprovação final o projeto segue para prefeita Dra. Fernanda Costa que terá 30 dias para analisar e se concordar sancionar para depois de publicado virar lei.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.