• Últimas Notícias

    sexta-feira, 4 de agosto de 2017

    Empresa compra cidade para construir ‘paraíso da maconha'

    Uma fabricante americana de produtos feitos de cannabis anunciou nesta quinta-feira que comprou a pequena cidade de Nipton, no deserto da Califórnia, por cinco milhões de dólares, para transformar o local em um destino turístico para entusiastas da maconha. De acordo com a Boomblerg, para isso, a American Grenn pretende investir outros 2,5 milhões de dólares nos próximos 18 meses.

    Com território de 120 hectares – uma área menor do que o Parque do Ibirapuera, em São Paulo – e localizada a apenas uma hora de distância de Las Vegas, Nipton tem população estimada de 20 pessoas e conta com uma loja, um hotel e uma escola.

    A nova proprietária da cidade promete utilizar energia renovável e construir novas estruturas. “Mostrar que é possível ter um município amigável para a cannabis e ainda torná-lo independente de energia pode inspirar as pessoas [a criar outras cidades semelhantes]”, disse o gerente do projeto, Stephen Shearin à Bloomberg.

    Os planos da American Green em Nipton incluem uma fábrica produtos de maconha comestível, uma instalação em que é possível banhar-se em águas acrescidas de componentes de cannabis associados à redução de dor, e lojas de varejo.

    No final do ano passado, Califórnia, Massachusetts e Nevada aprovaram a legalização da maconha recreativa e outros estados americanos votaram pela aprovação do uso medicinal da droga. No entanto, não há uma lei federal que libere o uso da maconha nos Estados Unidos, e o presidente Donald Trump se manifestou contrário à política de legalização.

    Veja

    Montanhas: Dupla assalta casa lotérica e na fuga um dos assaltantes morre em confronto com a Polícia

    Um assaltante morreu e outro foi baleado em confronto com uma guarnição da Polícia Militar na cidade de Montanhas, região Agreste do Rio Grande do Norte.

    Segundo informações a dupla havia assaltado uma casa lotérica e na fuga os dois foram surpreendidos por uma viatura da PM, ao disparar contra os Policiais Militares houve o revide, os dois criminosos foram baleados, um veio a óbito no local e o segundo foi socorrido ainda com vida para o hospital do município.

    Projeto quer punir passageiro ‘cúmplice’ de motorista bêbado

    Resultado de imagem para motorista e passageiro bebados
    Tramita no Senado um projeto de lei que pune passageiro que vira cúmplice de motorista bêbado. Quem acobertar crime de trânsito também vai responder por crime de condução de veículo com capacidade psicomotora alterada. O passageiro maior de 18 anos passaria a ser punido com as mesmas penas previstas para o condutor. Mesmo não estando ao volante e sóbrio, ele seria responsabilizado.

    De acordo com o senador Cidinho Santos (PR/MT), o objetivo é que as pessoas que andam como passageiros também sejam fiscais e corresponsáveis por aquele motorista.


    Petrobras anuncia reajuste de 6,9% em média para gás de cozinha e entra em vigor a partir deste sábado (5).

    Resultado de imagem para botijão de gas caroA Petrobras irá reajustar os preços do GLP P-13, o gás de cozinha em botijões para uso residencial, em 6,9% a partir deste sábado, informou a estatal em comunicado nesta sexta-feira (4).

    Conforme a Petrobras, o ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados sem incidência de tributos.

    Pesquisa Cut/Vox Populi: Lula lidera e Bolsonaro cresce em todas as regiões

    Resultado de imagem para lula e bolsonaro
    Foi divulgada hoje uma nova rodada da pesquisa CUT-Vox Populi. O levantamento foi realizado entre os dias 29 e 31 de julho, mostra que o ex-presidente Lula lidera as intenções de voto para presidência da República.

    Espontâneo

    No cenário em que os entrevistados não recebem cartela com nomes e citam espontaneamente em quem pretendem votar para presidente da República em 2018, o percentual de Lula aumentou para 42%.

    O segundo colocado é Bolsonaro, com 8% das intenções de voto. Marina vem em terceiro, com 2%; e, embolados com apenas 1% dos votos aparecem Moro (sem partido), Ciro Gomes (PDT-CE), Joaquim Barbosa (sem partido), Doria, Fernando Henrique e Alckmin.

    Estimulado

    Lula (PT), 47%,
    Bolsonaro (sem partido) tem 13%, 
    Marina (Rede), 7%, 
    Alckmin (PSDB), o governador de São Paulo tem 6% e
    Ciro (PDT), 3%.

    A pesquisa CUT/Vox Populi, realizada em 118 municípios, em áreas urbanas e rurais de todos os estados e do Distrito Federal, em capitais, regiões metropolitanas e no interior.

    Desembargador é chamado de corrupto e vagabundo em sessão e manda prender advogado

    Um advogado de Santa Catarina usou seu tempo de sustentação oral, nesta quinta-feira (3/8), para acusar o relator do processo de pedir propina de R$ 700 mil para assinar decisão favorável. Exaltado, Felisberto Odilon Córdova declarou que o julgamento na 1ª Câmara Cível é “comprado” e chamou o desembargador Eduardo Gallo de “vagabundo”, “safado” e “descarado”.

    Córdova disse que foi procurado por uma pessoa do Rio de Janeiro e que recebeu “contraproposta” diretamente em seu escritório, em favor do desembargador. Por isso, considerou o julgamento nulo e disse que o Ministério Público deveria investigar o caso, em nome da moralidade.

    Gallo respondeu que nunca havia sido xingado durante seus 25 anos de carreira e, por verificar “nítido excesso” no comportamento do advogado, pediu que o profissional fosse preso. O presidente do colegiado, desembargador Raulino Brunning, preferiu adiar a análise do processo e oficiar o MP e a seccional da Ordem dos Advogados do Brasil.

    Córdova foi retirado da sala por colegas. Segundo o jornalista Rafael Martini, do Diário Catarinense, o caso envolve uma disputa de R$ 35 milhões em execução de honorários, e a OAB-SC já instaurou comissão para apurar os fatos.

    Já o presidente em exercício do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, desembargador Alexandre d'Ivanenko, declarou que só vai se manifestar depois de analisar o episódio.
    Fonte: ConJur

    Prefeitura de Santa Cruz deve controlar despesas com combustível, segundo recomendação do MP

    A Promotoria de Justiça da comarca de Santa Cruz expediu recomendação para que a Prefeitura adote medidas para dar maior controle e transparência aos gastos com combustíveis. No decorrer de inquérito civil, instaurado a partir de declarações levadas ao Ministério Público, foram apreendidas notas de abastecimento que não apresentavam informações suficientes, seguras ou confiáveis. Além disso, verificou-se a necessidade de um controle mais rigoroso, com o arquivamento dos dados e disponibilização no site da Prefeitura.

    Para os promotores de Justiça que assinam a recomendação, “a falta de controle dos gastos públicos e a desobediência das normas financeiras e de regência das diversas atividades municipais podem ocasionar malversação ou desvio desses recursos, o que pode constituir ato de improbidade administrativa a ser imputada ao gestor responsável pelo ato”.

    Dessa forma, a recomendação pede que a Prefeitura adote um novo modelo de preenchimento das notas de abastecimento. Nesse novo modelo, devem constar as seguintes informações: data, veículo/placa, nome e documento de identificação do motorista (RG ou CPF), telefone do motorista, tipo de combustível, litros, valor em reais, odômetro do veículo e assinatura do motorista. Além disso, deve ser proibido o abastecimento de veículos que não estejam adesivados ou que tenham o odômetro quebrado.

    Sobre o registro dos dados, a Prefeitura deve promover o arquivamento dos talões separados por ano e subdivididos por mês, devendo ser especificado um local para o armazenamento do material ou criado sistema informatizado para esse fim. As informações também devem ser alimentadas no Portal da Transparência até o décimo dia do mês subsequente.

    A recomendação ressalta ainda que as medidas, que consistem apenas em mudança de processos de registro, arquivamento e publicização dos dados, não geram qualquer custo financeiro ao município e possibilitam uma melhor gestão dos gastos e otimização dos recursos.

    Confira aqui a recomendação.

    Rio Grande do Norte tem aumento de 15,5% de turistas em julho, afirma Emprotur

    A alta no turismo potiguar se mantém apesar da crise financeira nacional. Ações promocionais de divulgação aliadas a medidas de incentivo ao turismo executadas há pelo menos dois anos pelo Governo do RN, por intermédio da Secretaria de Estado do Turismo do RN e Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur) tem apresentado, de forma constante, números de crescimento no fluxo turístico no Estado.

    O aumento no mês de julho foi de 15,5% ou acréscimo de 31.462 turistas no fluxo turístico pelo Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, se comparado ao mesmo período do ano passado, segundo dados fornecidos pelo Consórcio Inframérica. O número vai de encontro com a estimativa de “mais de 30 mil turistas” divulgado pelo secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar, no mês passado, a partir dos quase 300 voos extras conseguidos para o mês de junho e julho.

    Esse percentual de 15,5% representa um acréscimo de mais de R$ 80 milhões na economia potiguar, ratificando a capilaridade do setor do turismo para geração de receita ao Estado.

    Nova fase da operação Cidade Luz cumpre mandados de prisão em Caicó

    O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou na manhã desta sexta-feira (4) a operação Blackout, que investiga contrato de iluminação pública da Prefeitura de Caicó, no valor de R$ 1.138.970,00. A operação conta com a participação de 16 promotores de Justiça, além do apoio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPRN e do MPPE, e das Polícias Militares potiguar e pernambucana. Os elementos levantados na investigação demonstram que a associação criminosa atua de forma serial na prática de crimes como peculato, corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de dinheiro e fraude a procedimento licitatório. Ao todo foram 12 mandados de busca e apreensão em órgãos públicos, empresas e residências particulares e seis mandados de prisão, expedidos pelo juiz da vara Criminal de Caicó.

    Pelo que foi apurado pelo MPRN, há indícios de superfaturamento e pagamento de propina a agentes públicos da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos do Município de Caicó, em contratos firmados para a prestação de serviços de iluminação pública. O secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó, Abdon Augusto Maynard Júnior, cooptado pela associação criminosa antes mesmo de assumir a pasta, foi afastado do cargo por decisão judicial. Também foi afastada do cargo de diretora do departamento de Iluminação Pública de Caicó, Ruth de Araújo Ferreira, nomeada a serviço da associação criminosa para repassar informações privilegiadas.

    A operação Blackout é um desmembramento da operação Cidade Luz, deflagrada no dia 24 de julho de 2017, que descortinou esquema criminoso nos contratos de iluminação pública realizados pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos do Município de Natal (Semsur), revelando indícios de ilícitos similares também nos contratos de iluminação pública do município de Caicó.