• Últimas Notícias

    segunda-feira, 31 de julho de 2017

    Janot pede novamente ao STF a prisão de Aécio Neves

    Nem bem o senador Aécio Neves (PSDB-MG) voltou a circular nos bastidores políticos, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu novamente, hoje, a prisão do parlamentar tucano, bem como um novo afastamento do mandato. O primeiro pedido de prisão de Aécio, feito por Janot no fim de junho, foi negado pelo ministro Marco Aurélio Mello, relator do caso no Supremo Tribunal Federal (STF). O magistrado ainda autorizou o retorno do tucano ao Senado, de onde havia sido afastado desde maio, por ordem do próprio STF, desde maio, quando foi denunciado na Operação Patmos, baseada em delação da JBS.

    No domingo passado (30), Aécio Neves – até então pouco visto nas ridas de conversas políticas – foi jantar no Palácio do Jaburu, a convite do presidente Michel Temer (PMDB), que viu em Aécio a possibilidade de articular reforços no PSDB da câmara dos Deputados para arquivar a denúncia contra ele por corrupção passiva, que pode ser votada na próxima quarta-feira (2), em plenário. O senador, embora enfraquecido com as delações da JBS, é defensor da permanência do PSDB na base aliada de Temer, bem como da não aceitação da denúncia contra o peemedebista.

    O próprio Aécio Neves é acusado de corrupção passiva e obstrução da Justiça. Segundo as investigações, ele teria pedido – e recebido – R$ 2 milhões da JBS, além de ter atuado no Senado e junto ao Executivo para retardar as investigações da Lava Jato. Como a prisão do senador e seu afastamento já foram negados por Marco Aurélio, o novo pedido de Janot será analisado pela Primeira Turma da Corte, formada também pelos ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux e Ricardo Lewandowski.

    No início de julho, o Conselho de Ética do Senado confirmou a decisão do presidente do colegiado, senador João Alberto Souza (PMDB-MA), que havia resolvido arquivar o processo de cassação aberto contra Aécio Neves na Casa. A decisão do Conselho foi tomada por 11 votos a quatro. Recursos contra a decisão, apresentados pelos adversários do tucano, também não tiveram resultados positivos, mantendo o senador no cargo.

    Blog do Diário

    Homem invade agência, rende vigilante e rouba quantia em dinheiro dos Correios de Santa Cruz

    Polícia Militar de Santa Cruz registrou no incio dá noite desta segunda-feira um assalto a agência dos Correios da capital do Trairi.

    Segundo informações do comando da 4° Companhia Independente de Polícia Militar, um homem invadiu a agência no final do expediente e efetuou o assalto. A ocorrência foi por volta das 18:30h.

    Ainda segundo a Polícia, o homem armado, ainda não identificado, entrou por uma porta lateral da agência, rendeu o vigilante, roubando sua arma e anunciou o assalto, levando uma quantia não revelada em dinheiro. O acusado do crime fugiu com destino ignorado é a Polícia Militar faz diligências tentando encontrar o criminoso.

    Ainda não se sabe quanto foi roubado, mas a Polícia Federal deverá vir a cidade para fazer o levantamento do prejuízo da agência. Ninguém ficou ferido na ação criminosa. Com informações de Édipo Natan

    O Sine-RN oferece nesta terça-feira (01) mais de 82 oportunidades de empregos

    O Sine-RN oferece nesta terça-feira (01) mais de 82 oportunidades de emprego em Natal e Mossoró.

    Para concorrer às vagas, o candidato deve se cadastrar via Internet no Portal Mais Emprego do Ministério do Trabalho e Emprego através do endereço maisemprego.mte.gov.br ou na unidade do Sine Matriz Cidade da Esperança, localizada na Rua Adolfo Gordo, s/n, Cidade da Esperança - Natal-RN no prédio da Central do Trabalhador no horário de 8h ás 16h ou em qualquer agência do Sine nas centrais do cidadão de Natal e no interior.

    O interessado que não tem cadastro e acesso ao Portal Mais Emprego, pode comparecer as Agências do SINE, com Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), Número do PIS, cédula de identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. O atendimento é de acordo com o horário de funcionamento das centrais do cidadão e do SINE Matriz Cidade da Esperança no prédio da Central do Trabalhador, das 8h às 16h.

    VAGAS PERMANENTES - NATAL e GRANDE NATAL

    Polícia Militar apreende grande quantidade de drogas em Mossoró

    PM/ASSECOM
    Policiais Militares do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual, pertencentes ao 2º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, apoiados pela equipe do 12º Batalhão de Polícia Militar apreenderam, nesta segunda-feira (31), cerca de 250 quilos de drogas em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte.

    Os policiais realizavam um patrulhamento nas proximidades do trevo que dá acesso para o município de Upanema, quando se depararam com um motorista em um veículo de cor branca. Ao perceber a aproximação dos policiais, o suspeito acelerou e acabou colidindo com a mureta de proteção e se evadiu do local, abandonando o veículo.

    Diante do veículo abandonado, foram realizados os protocolos, sendo encontrado no interior do veículo, 278 tabletes de maconha, que juntos somaram 242,617 Kg, além da carteira de motorista do condutor. Ato contínuo, todo o material foi apreendido e encaminhado à Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) para os procedimentos cabíveis

    Deputado federal tatua o nome de Temer no ombro direito

    deputado-federal
    O deputado federal Wladimir Costa (SD-PA) foi o destaque durante cerimônia de entrega de caminhões de lixo no município paraense de Salinópolis, realizada no sábado (29). Costa compareceu ao evento vestindo uma camiseta do tipo regata amarela e bermuda jeans. Em boa parte do evento, permaneceu descalço. Mas a surpresa maior aconteceu quando ele tirou a camiseta. Expôs uma tatuagem no ombro direito com a inscrição “Temer”. Essa tatuagem estava abaixo de outra, que tinha a bandeira do Brasil desenhada. Costa também carregava uma latinha de cerveja num dos bolsos de sua bermuda.

    Por Época

    Projeto quer tornar sigiloso quem doar até 3 salários mínimos em campanha eleitoral

    Prestes a ser votado na Câmara, o relatório do deputado Vicente Cândido (PT-SP) sobre a reforma política traz em seu texto um tema polêmico: pessoas físicas que contribuíssem com até três salários mínimos para campanhas eleitorais teriam o sigilo garantido, exceto à Justiça Eleitoral. A ação que, segundo o relator, serve para preservar os doadores – que hoje têm os nomes divulgados – teria escondido 86% das contribuições de pessoas físicas feitas nas eleições de 2016, as primeiras que proibiram o financiamento empresarial.

    O levantamento, feito por meio do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tomou por base o salário mínimo atual, de R$937. Para pesquisadores ouvidos pelo Estado, a medida atrapalharia a transparência nas prestações de contas e poderia ser uma brecha para as doações ilícitas e a falsificação de CPFs.

    Estados e prefeituras têm até esta segunda para parcelar dívidas com a Previdência

    As unidades da Federação e as prefeituras têm até esta segunda-feira (31) para parcelarem as dívidas com a Previdência Social e os regimes próprios de Previdência com desconto nas multas e nos juros. O programa permite a inclusão de débitos vencidos até 30 de abril deste ano e deve reforçar a arrecadação federal em R$ 6,91 bilhões este ano.

    Criado por meio da Medida Provisória 778, o Programa de Regularização de Débitos Previdenciários dos Estados e dos Municípios permite o parcelamento em até 200 meses (16 anos e 8 meses) das contribuições previdenciárias de responsabilidade dos governos locais, com desconto de 80% dos juros e 25% das multas.

    Obrigações acessórias e contribuições incidentes sobre o 13º salário também podem ser renegociadas. Os estados e as prefeituras podem parcelar ainda dívidas suspensas pela Justiça, desde que desistam de questionar a cobrança nos tribunais.

    Com crise, 143 mil voltaram ao Bolsa Família

    Mais de 143 mil famílias retornaram ao Bolsa Família neste ano devido ao aumento da taxa de desemprego provocado pela forte crise econômica que se instalou no país. A fila de espera também cresceu. Ela chegou a estar zerada nos meses de janeiro e fevereiro, mas aumentou gradualmente e atingiu 525 mil famílias. O ministro do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Osmar Terra, informou que pretende acabar com a espera ainda em agosto. Mesmo com a restrição orçamentária do governo federal, o ministério teria orçamento suficiente para atender esse público.

    Em entrevista ao Valor, o secretário-executivo do ministério, Alberto Beltrame, explicou que a piora da economia fez com que muitas famílias retornassem ao bolsa. Recentemente, os indicadores do mercado de trabalho vêm dando sinais de melhora, mas ainda não estão sendo captados. Dado divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que, no segundo trimestre, a taxa de desemprego atingiu 13%. O nível de desocupação foi menor do que aquele registrado no primeiro trimestre, de 13,7%, mas ficou 1,7 ponto percentual acima da taxa apurada entre abril e junho de 2016 (11,3%).



    Acesse a Postagem Original: http://blogdobg.com.br/#ixzz4oPYFlooS