• Últimas Notícias

    sábado, 21 de janeiro de 2017

    Deputado Estadual do RN sugere colocar os presos de Alcaçuz no meio do oceano

    Eu acho uma ótima ideia! Assim escreveu o Deputado Estadual Nelter Queiroz no seu micro blog sobre a possibilidade, ainda que remota, de se usar um navio da Marinha para transportar os presos de Alcaçuz e jogar todos em alto mar.

    E você caro web leitor, também concorda com o deputado?

    Padre é acusado de usar paróquia como motel e promover orgias

    Um escândalo envolvendo um padre que promovia orgias chocou a cidade de Pádua, no norte da Itália. Don Andrea Contin, da igreja de San Lazzaro, teria usado a paróquia para ter relações com várias mulheres. De acordo com fontes ligadas à investigação, pelo menos nove mulheres teriam praticado atos com o sacerdote. 

    Em depoimento, duas admitiram ter mantido relações com o padre, que está afastado de suas funções. Uma das mulheres contou que o padre chegou a sugerir que outros homens participassem dos encontros.

    O padre foi descoberto durante uma investigação de violência privada e favorecimento à prostituição. Isso porque as duas mulheres, uma de 49 anos e outra de 51, alegaram terem sido vítimas. A de 49 anos teria sido amante do padre desde 2014. À polícia, ela disse que o sacerdote a obrigou a se prostituir e a manter relações com ele. 

    Já a mulher de 51 anos relatou que o padre se aproveitou de um momento de fragilidade emocional em uma época que passava por um divórcio para tocar suas partes íntimas e fazer um convite para ter relações. 

    Com informações Yahoo

    Muito estranho: Avião usado por Teori estava sendo observado há mais de 2 semanas, diz jornalista

    Teori Zavascki. Foto: Agência Brasil
    Teori Zavascki - Foto Agência Brasil
    As autoridades aeronáuticas precisam agir com o máximo de rapidez na apuração das causas do acidente com o avião que caiu em Paraty com 5 pessoas, entre elas o ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki. Isto porque, caso contrário, poderão surgir teorias das mais variadas que servirão de elementos para agitar a já tumultuada vida política brasileira. As versões mais fortes são de caráter “conspiratórios”, e, apesar de algumas teses parecerem inverossímeis, até o final da investigação, elas não devem ser descartadas.

    Só o laudo técnico isento recolocará o país em tranquilidade.

    De fato, cresce uma sensação: a queda do avião propicia a convicção de que algo “estranho” pode ter acontecido, pois fica difícil para um leigo acreditar que um piloto experiente erraria a pista de pouso a menos de 2 quilômetros. Também por isso, – e por ser praxe – a Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF) em Angra dos Reis abriram inquéritos e vão levar tudo em conta.

    Na internet, usuários da rede especulam que a delação da Odebrecht que seria homologada por Teori não incriminaria a ex-presidente Dilma Roussef  e nem Lula, mas que exporia Michel Temer e aliados. Outras pessoas, dizem o oposto.

    A única forma de tornar a verdade transparente é uma investigação séria, irretocável e acima de qualquer suspeita. A queda do avião do candidato à presidência Eduardo Campos, na época, já foi cercada de versões sombrias.

    Segundo informação do jornalista Claudio Tognolli, do Yahoo, a PF está recolhendo indícios de que o avião usado por Teori estava sendo observado há mais de duas semanas. A foto do avião com mesmo prefixo foi vista quase 1.900 vezes em um único dia, 3 de janeiro.
    Por Sidney Resende

    Os canibais de Alcaçuz: detentos fazem churrasco com suposta carne humana em presídio do RN

    Imagens filmadas pelos próprios detentos e distribuídas pela internet 
    Imagens chocantes circularam durante essa sexta-feira as redes sociais e na página do Youtube. As cenas macabras mostram presos da facção do Sindicato do RN exibindo um churrasco que supostamente seria pedaços de um corpo de detento da facção rival (PCC), isso tudo dentro o maior presídio do Rio Grande do Norte que esta a uma semana dominado pelas facções. O que não podemos entender é a paralisia do governo do estado em debelar essa situação.