• Últimas Notícias

    terça-feira, 4 de julho de 2017

    Polícia do RJ prende jornalista musa suspeita de envolvimento com PCC

    Policiais civis do Rio prenderam nesta terça-feira (4), a jornalista e advogada Luana de Almeida Domingos, de 32 anos, criminosa mais procurada do Estado de São Paulo. Luana Don, como ficou conhecida, é suspeita de repassar as ordens da cúpula do PCC (Primeiro Comando da Capital) para serem executadas fora da cadeia. Segundo a investigação conjunta das policiais do Rio e de São Paulo, ela atuava como “pombo correio” da facção criminosa.

    Luana teve a prisão decretada no ano passado, pelos crimes de corrupção ativa e organização criminosa na operação Ethos, desencadeada pela Polícia Civil e pelo MP (Ministério Público).

    A foragida foi encontrada pela Desarme (Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos) em Ilha Bela, no litoral norte de São Paulo. Lá, a suspeita mantinha uma residência, que era utilizada como esconderijo. A ação que terminou com a prisão de Luana, contou com apoio da Polícia Civil de São Paulo.

    Luana Don estava no topo da lista de procurados da Polícia Civil de São Paulo, com recompensa de até R$ 50 mil por informações que levassem a sua prisão. Nos últimos meses, chegaram a circular notícias que ela estaria escondida no Rio, pelo fato de já ter vivido na cidade e pela proximidade do PCC com facções cariocas.

    Segundo a Desarme, responsável pela prisão, ela será levada para a Decade (Divisão de Vigilâncias e Capturas) na capital paulista.

    A jornalista ganhou notoriedade quando trabalhava como apresentadora de uma emissora de televisão, entre 2012 e 2015. Ela também já havia participado de campanhas publicitárias.

    Por R7

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.