• Últimas Notícias

    sexta-feira, 31 de março de 2017

    Greve: Polícia do RN pode cruzar os braços na próxima terça

    Policiais e bombeiros militares continuam acampados em frente à Governadoria. O objetivo é permanecer no local até que o Governo do RN encaminhe as demandas da categoria à Assembleia Legislativa do RN. Caso não haja ações do Executivo, os militares têm um indicativo de paralisação para a próxima terça-feira (4).

    Os militares em folga se revezam para manter as instalações. No entanto, de acordo com o presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares (ASSPMBMRN), Eliabe Marques, podem participar do acampamento os profissionais em serviço também. “Hoje no acampamento está o efetivo de folga, caso o Governo não tenha nenhuma atitude prática até esta próxima segunda-feira, então na terça-feira seguinte ingressarão os que estão de folga e os que estão de serviço”, afirma o presidente.

    Em destaque, na pauta de reivindicações, estão quatro itens: o encaminhamento da Lei de Organização Básica (LOB) à Assembleia Legislativa do RN; a retirada dos militares estaduais da Mensagem 118/2017 (Reforma da Previdência Estadual); o encaminhamento da majoração da Diária Operacional; e a modificação dos artigos 10 e 11 da Lei de Ingresso. De acordo com Eliabe Marques, são questões insistentemente apresentadas ao Governo do RN, que se comprometeu a cumprir, mas não tem executado os prazos prometidos.

    Portal No Ar

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.