• Últimas Notícias

    domingo, 5 de fevereiro de 2017

    Espetáculo de ódio: Lula fez do velório de Marisa Letícia seu palanque para prometer vingança

    O ex-presidente Lula fez do caixão um palanque, tomou o microfone em mãos e saçaricou um comício no velório da própria esposa? Fez aquilo que sabe: jogou na lata do lixo toda e qualquer deferência que lhe foi rendida nos últimos dias. 

    O desespero batei em sua porta quando viu que ali estava toda imprensa do país e muitos militantes do PT. Lula não soube esperar nem mesmo o enterro da sua própria esposa, ao ver a grande oportunidade passou a mão em um microfone e fez seu discurso de ódio e rancor.

    Ele gastou boa parte do discurso para dizer que Marisa morreu triste, que fizeram uma “canalhice” contra ela e que quer provar a inocência da esposa nas investigações da Operação Lava Jato, em que era ré junto com Lula em duas ações penais. “Na verdade, Marisa morreu triste. Porque a canalhice que fizeram com ela, e a imbecilidade e a maldade que fizeram com ela, eu vou dedicar [Lula não encerrou a frase]. Eu tenho 71 anos, não sei quando Deus me levará, acho que vou viver muito, porque eu quero provar que os facínoras que levantaram leviandade com a Marisa tenham, um dia, a humildade de pedir desculpas a ela”, disse, talvez emocionado.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.