• Últimas Notícias

    domingo, 15 de janeiro de 2017

    “Quem estava no pavilhão 4 eles mataram e arrancaram as cabeças". Relata agente penitenciário

    Rebelião
    Cabeças decapitadas de três detentos da rebelião (Foto via redes sociais)
    O relato de um agente penitenciário que conseguiu escapar da rebelião de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte, é assustador. Divulgado através das redes sociais no fim da noite de sábado, conta em detalhes como os detentos do Pavilhão 5 conseguiram invadir a unidade vizinha e iniciar o massacre.

    “Quem estava no pavilhão 4 eles mataram e arrancaram as cabeças. Os que conseguiram sair de alguma forma, escaparam. Quem ficou, morreu”, diz o agente numa gravação de pouco mais de três minutos. Até o fim da noite de ontem o governo admitia que o número de mortos era de pelo menos dez. Um vídeo no entanto, mostra uma carnificina com 17 vítimas.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.