• Últimas Notícias

    segunda-feira, 11 de julho de 2016

    Automobilismo: Fiat suspende produção de Bravo, Linea e Idea

    A Fiat mantém suspensa desde meados de junho a produção de três modelos no Brasil: Bravo, Linea e Idea. CARRO ONLINE checou a informação (publicada inicialmente no site Autos Segredos) com representantes do sindicato dos metalúrgicos da região de Betim (MG), cidade-sede da fábrica. 
    De fato, houve a pausa na produção, e os funcionários da chamada "linha 4" foram transferidos para outras funções. A Fiat diz que se trata meramente de uma acomodação interna devido à produção do Mobi. Por CARRO ONLINE

    'Vaquinha' da Dilma alcança R$ 725 mil

    A campanha de financiamento coletivo criada para bancar as viagens pelo País da presidente da República afastada, Dilma Rousseff atingiu a marca de R$ 725 mil, ou 145% do previsto. A equipe da petista aguarda dobrar a meta inicial de R$ 500 mil para encerrar a campanha e retirar o dinheiro para financiar as viagens pelo País.

    Além disso, eles terão de deixar 13% do total para a administração do Catarse, dona da plataforma digital, e pagar 4% em impostos.

    As criadoras da plataforma no site Catarse são duas antigas amigas da presidente afastada. Guiomar Lopes e Celeste Martins lutaram na ditadura militar ao lado de Dilma.

    Tribunal de Contas lança cartilha com orientações sobre encerramento e transição de mandato

    Com o objetivo de orientar os gestores públicos sobre o encerramento de seus mandatos, bem como otimizar a transição governamental, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) lançou a cartilha “Encerramento e transição de mandato”, com informações e orientações importantes para os gestores que estão encerrando seus mandatos. A publicação, elaborada pela Secretaria de Controle Externo (Secex), está disponível através do link AQUI.

    O processo de encerramento de mandato exige do gestor público a adoção de diversas medidas de controle dos recursos públicos com vistas a garantir, ao final do exercício, o equilíbrio financeiro das contas, além da continuidade, a regularidade e a efetividade da prestação dos serviços públicos.


    Sendo assim, o TCE/RN considera importante divulgar os critérios para o cumprimento das diversas obrigações legais e sugerir medidas que facilitem esses procedimentos. A publicação irá contribuir para a manutenção do planejamento, dos projetos e programas governamentais, além de ser uma valiosa ferramenta de controle social, já que oferece aos cidadãos e representantes da sociedade civil, informações sobre as restrições a serem consideradas pelos agentes políticos em último ano de mandato.


    Justiça Eleitoral revela queda na quantidade de registros de pesquisas para as eleições

    pesquisa eleitoralA cada pleito, as entidades e empresas interessadas em realizar pesquisas eleitorais de opinião pública relativas às eleições ou aos candidatos são obrigadas a efetuar o registro na Justiça Eleitoral, a partir de 1° de janeiro, e com no mínimo cinco dias de antecedência da divulgação. Este ano, a Justiça Eleitoral recebeu, até o momento, 795 registros de pesquisas eleitorais. Houve uma queda de 21,5% na comparação com o mesmo período das eleições municipais de 2012, quando os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) receberam 1.013 registros.

    De acordo com a Resolução n° 23.453, que dispõe sobre pesquisas eleitorais para o pleito de 2016, o registro de pesquisa deve ser realizado, obrigatoriamente, pela internet, a qualquer tempo, por meio do Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle), disponível nas páginas dos respectivos regionais. Na hipótese de a pesquisa envolver mais de um município, deverá ser efetuado um registro para cada município abrangido.

    Para a utilização do sistema, as entidades e empresas devem cadastrar-se eletronicamente na Justiça Eleitoral e informar, no ato do registro da pesquisa, além dos seus dados cadastrais, a origem dos recursos despendidos no trabalho, além da metodologia e período de realização da pesquisa, o plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução, nível econômico do entrevistado e área física de realização do trabalho a ser executado, nível de confiança e margem de erro, com a indicação da fonte pública dos dados utilizados.

    TSE

    Eleições 2016: Site e páginas do Facebook de prefeituras ficarão indisponíveis até o fim das eleições

    Os portais e as páginas do Facebook das prefeituras ficarão até o fim das eleições municipais. A medida atende a legislação eleitoral e também o calendário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que veta propaganda e publicidade institucional três meses antes do pleito.

    A lei nº 9504/97, artigo 73, VI, b, determina que só poderá ter propaganda de produtos ou serviços ou publicidade institucional em caso de grave e urgente necessidade pública, que deve ser reconhecida pela Justiça Eleitoral.

    Casagrande revela admiração a Lúcifer e desabafa: 'Deus não é tão bom assim'

    O ex-jogador e atual comentarista Casagrande deu uma entrevista para a Rádio Jovem Pan onde falou, entre outros assuntos, sobre religião. 

    Em um dos trechos de suas declarações ele diz que "admirava Lúcifer" e que "sempre contestou a história de Cristo". Leia abaixo o trecho completo de uma parte de sua entrevista:
    "Sempre fui muito admirador de lúcifer. Contestava muito a história de Cristo. Pesquisei, li livros, pesquisei sobre demônios. Eu lia bíblia satânica. Era muito louco nessa situação. Sempre fui ligado à caveira, adoro caveira. Meu time de várzea se chamava Veneno Show e o distintivo era uma caveira. Deus não é tão bom assim". 

    Casagrande disse ainda que "acredita em Cristo" porque foi ajudado por ele após ter se visto "cercado por demônios na sua casa". Após o episódio, ele "sentiu a presença pesada demoníaca se afastando". Quanto a lúcifer, Casagrande disse que sua admiração é a mesma: "Sua história é fantástica".

    Há cerca de 10 anos Casagrande passou por um momento complicado na sua vida. Em seu livro, ele contou que fumava maconha, cheirava cocaína, injetava heroína e bebia tequila. Em 2007, um acidente quase tirou sua vida, após ele ter dormido no volante e ter atingido seis carros. 

    Notícias Brasil

    Pirâmide financeira: Justiça condena NNEX a indenizar investidor em Tangará

    O juiz Flávio Ricardo Pires de Amorim, da Comarca de Tangará, condenou a Marketing Digital Eireli (NNEX) a pagar a um cidadão, a título de dano material, o valor de R$ 4.072,00, bem como pagar, a título de indenização por dano moral, o valor de R$ 5 mil, acrescidos de juros e correção monetária, por ter praticado fraude financeira que causou danos à vítima autora da ação judicial.

    No processo, o autor disse que atraído pela promessa de alto investimento, investiu na empresa, todavia essa passou a ser investigada pelo Ministério Público do RN sob a suspeita de crime contra a economia popular.

    Sustentou que caiu drasticamente a remuneração do investimento com mudanças de regras, acarretando, ao final, um prejuízo de R$ 4.072, razão pela qual requereu a condenação da empresa a restituir o valor, além da condenação em danos morais.

    Decisão
    Em sua decisão, o magistrado Flávio Pires Amorim explicou que um esquema de pirâmide financeira é um modelo comercial previsivelmente não-sustentável que depende basicamente do recrutamento progressivo de outras pessoas para o esquema, a níveis insustentáveis.

    Segundo o juiz, considerando que o modelo de operação financeira é insustentável, o esquema normalmente fracassa em poucos meses, uma vez que necessita cada vez mais do ingresso de novos investidores para alimentar os elevados lucros dos investidores já existentes.

    Para Flávio Amorim, por ser inviável financeiramente, é certo que aproximadamente 88% dos investidores percam todo dinheiro aplicado na operação. Dessa forma, percebeu que toda a operação desenvolvida pela NNEX pode ser caracterizada como uma pirâmide financeira.

    Ilegal e insustentável
    Portanto, segundo o juiz, é insustentável e ilegal, porque beneficia apenas os idealizadores do esquema, além de pequena parcela de investidores que ingressaram no início do negócio, mas que comprovadamente não traz nenhum benefício econômico para a totalidade dos associados existentes na rede.

    “No presente caso, observa-se que o fato teve repercussão no estado emocional da parte autora, advindo, assim, grande transtorno, visto que a ré ludibriou a parte autora com promessas de lucros inimagináveis em pouco tempo, a partir da formação de um esquema fraudulento de pirâmide financeira, o que gerou, por consequência, intranquilidade a parte autora que teve prejuízos financeiros com aplicação de recursos sem o devido retorno, além da frustração do próprio insucesso do negócio, a partir de um marketing agressivo de informações inverídicas que o levou a ser atraído ao golpe”, decidiu.

    Quadrilha explode caixa de banco dentro do prédio do TRE em Natal

    Vidraças foram estilhaçadas com a força da explosão  (Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi)
    Foto: Marksuel Figueredo/Inter TV Cabugi
    Criminosos explodiram um terminal do Banco do Brasil que fica dentro do Tribunal Regional Eleitoral, em Natal. O prédio fica na Av. Rui Barbosa, no bairro Tirol, Zona Leste da cidade. 
    A explosão, segundo a Polícia Militar, aconteceu por volta das 3h30 desta segunda-feira (11). Buscas foram feitas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado. O dinheiro do caixa foi levado, mas a quantia não foi revelada.

    Com informações do Portal G1