• Últimas Notícias

    domingo, 18 de dezembro de 2016

    Maduro fecha fronteira com Brasil e Colômbia até 2017

    Pessoas atravessam no sábado (17) a ponte internacional Francisco de Paula Santander, que liga Urena, na Venezuela, e Cúcuta, na Colômbia, apesar da ordem de fechamento da fronteira emitida pelo governo venezuelano (Foto: George Castellanos/AFP)
    O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou no sábado (17) a prorrogação do fechamento das fronteiras com Brasil e Colômbia até o dia 2 de janeiro, uma medida justificada para coibir o contrabando de moeda local, em meio à grave crise econômica enfrentada pelo país.

    Maduro também decidiu estender a vigência da nota de 100 bolívares, que, como anunciara o governo no domingo passado, deveria ser retirada de circulação na última quinta-feira. Segundo o líder chavista, a Venezuela está sendo vítima de um "ataque econômico" contra sua moeda.

    O fechamento das passagens fronteiriças foi estabelecimento, ainda de acordo com a visão de Maduro, justamente para evitar que as notas de 100 que tinham sido tiradas do país por grupos ilegais voltassem a circular.

    A medida anunciada por Maduro foi tomada devido à suposta "sabotagem internacional" da qual, segundo o presidente, está sendo alvo a carga com as novas notas que deveriam entrar em circulação no último dia 15 para minimizar a escassez de dinheiro em circulação.

    O Globo

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.