quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Maduro aumenta salário mínimo em 40% na véspera de greve geral na Venezuaela

Resultado de imagem para Maduro aumenta salário mínimo em 40%
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nesta quinta-feira um aumento de 40% no salário mínimo dos trabalhadores, na véspera de uma greve geral convocada para sexta-feira pela oposição para pressionar por sua saída do poder.

"Decreto e assinarei 40% de aumento integral do salário mínimo legal dos trabalhadores", manifestou Maduro em um ato público de entrega de casas. Este montante, de 90.911 bolívares (137,8 dólares), inclui salários e um adicional de alimentação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.