• Últimas Notícias

    quinta-feira, 29 de setembro de 2016

    Casal evangélico abre sex shop gospel e lança livro erótico com personagem gay

    (Foto: Carolina Garcia/iG São Paulo)
    João e Lidia Ribeiro são os mais novos criadores de produtos que alimentam o #Mercado gospel no Brasil. Eles abriram um sex shop voltado para o público evangélico, e faturam mais de R$1 milhão por ano, atendendo ao público religioso há pouco mais de três anos.

    O casal conta que não fica só na loja, eles vendem os produtos porta a porta e também promovem alguns encontros de casais.

    Na época em que abriram o sex shop gospel, enfrentaram criticas e foram vitimas de preconceito de alguns religiosos mais conservadores, no entanto, a visão empreendedora os levou a insistir no negócio que hoje é um verdadeiro sucesso.

    O casal voltou a surpreender o mercado evangélico, depois de anunciar o lançamento de um romance erótico, um livro que conta histórias sensuais e picantes. No entanto, a polêmica desse romance, gira em torno de um personagem gay, presente na história.

    Líderes religiosos perguntam se o casal não estaria indo longe demais com esse tipo de produto, e defendem que é extremamente arriscado, porque mexem diretamente com a imaginação das pessoas. Isso pode ter um efeito esmagador e, principalmente, abrir precedentes para pornografia.

    Quanto a isso, o casal afirma que, tanto na loja, quanto no livro, não existe pornografia. Eles se dizem cuidadosos com esse quesito, e, por isso, não vendem vídeos ou revistas pornográficas, e que seus produtos são de uso a dois, para não fomentar a masturbação.

    IG São Paulo

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.