Ultimas Noticias

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Bancários decidem manter greve após nova negociação terminar sem acordo

Uma nova rodada de negociação entre bancários e empresas acabou sem acordo nesta quinta-feira (15). Diante do desfecho, os trabalhadores devem continuar a greve, iniciada em 6 de setembro.

Na reunião, a Fenaban (braço sindical da Febraban, que representa os bancos) manteve a proposta apresentada na sexta-feira (9), em que oferece reajuste salarial de 7% mais abono de R$ 3.300 a ser pago em até dez dias após a assinatura do acordo.

Na negociação anterior, realizada na última terça (13), a entidade também não havia feito alterações na proposta. Os dois encontros foram uma “reunião exploratória” e sem expectativa de se fechar um acordo, diz a Fenaban em comunicado.

A paralisação, que chegou hoje ao seu décimo dia, atinge 12.608 agências e 49 centros administrativos -ou 54% das agências de todo o país, de acordo com a Contraf-CUT (confederação que representa os trabalhadores do setor financeiro).

Em 2015, os bancários pararam por 21 dias e conseguiram um reajuste de 10%, com ganho real de 0,11%.


Com informações Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.