Ultimas Noticias

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Putz: Galvão Bueno pede ao vivo que cadeirante fique de pé para ouvir o hino da Jamaica

Cala_a_boca_Galvao
Galvão Bueno cometeu uma tremenda gafe após a final da corrida dos 200m de atletismo, que terminou com Usain Bolt conquistando a medalha de ouro. No estúdio da Globo, o narrador pediu que todos ficassem de pé para que pudessem cantar o hino da Jamaica, em homenagem a Bolt. O problema é que os atletas paraolímpicos, Fernando Fernandes e Lars Grael, estavam presentes no momento e claramente ficaram constrangidos.

O humorista Marcelo Adnet também estava no estúdio e se propôs a cantar o hino da Jamaica após a vitória de Bolt. Foi quando o narrador pediu que todos se levantassem. Envergonhados com a situação, os comentaristas e convidados ficaram de pé, de maneira tímida, e depois se sentaram rapidamente ao “lembrar” da presença dos atletas paraolímpicos. Quem acompanhou a cena no Twitter não perdeu a oportunidade de detonar Galvão. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.