• Últimas Notícias

    sábado, 9 de julho de 2016

    FPM de julho deixa 59 municípios têm o repasse zerado

    O primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de julho atingiu um número recorde de municípios com o saldo zerado no Rio Grande do Norte.
    O depósito foi feito ontem, sexta-feira, 8, e das 167 cidades potiguares, 59 ficaram com o saldo zerado neste sétimo mês do ano de 2016 e não receberam verbas da União.
    Neste decêndio, a cota teve diminuição de 10,82%, sem considerar a inflação do período, em comparação com o mesmo repasse de 2015. Com a inflação, a queda chega a 17,27%. A situação preocupa os gestores, que têm recebido cada vez menos verbas do tesouro nacional.
    Veja abaixo quais foram os municípios que ficaram sem recursos.

    AFONSO BEZERRA
    ALTO DO RODRIGUES
    ANTÔNIO MARTINS
    AREIA BRANCA
    AREZ
    BARAÚNA
    CAIÇARA DO NORTE
    CAICÓ
    CAMPO REDONDO
    CARAÚBAS
    CARNAÚBA DOS DANTAS
    CARNAUBAIS
    CORONEL EZEQUIEL
    EQUADOR
    EXTREMOZ
    FELIPE GUERRA
    FERNANDO PEDROZA
    FLORÂNIA
    GOV. DIX-SEPT ROSADO
    GROSSOS
    IELMO MARINHO
    JANDAIRA
    JANDUIS
    JAPI
    JARDIM DE ANGICOS
    JARDIM DO SERIDÓ
    JOÃO CÂMARA
    JUNDIÁ
    LAGOA D’ANTA
    LAGOA DE PEDRAS
    LAGOA SALGADA
    MARCELINO VIEIRA
    MARTINS
    MAXARANGUAPE
    MONTE DAS GAMELEIRAS
    NOVA CRUZ
    PARANÁ
    PARAÚ
    PARAZINHO
    PAU DOS FERROS
    PEDRA GRANDE
    PEDRO AVELINO
    PEDRO VELHO
    PENDÊNCIAS
    PILÕES
    PUREZA
    RIACHO DE SANTANA
    RIO DO FOGO
    SANTANA DO MATOS
    SÃO FRANCISCO DO OESTE
    SÃO JOSÉ DO MIPIBU
    SÃO RAFAEL
    SERRA DO MEL
    SÍTIO NOVO
    TIBAU
    TRIUNFO POTIGUAR
    UMARIZAL
    VÁRZEA

    VENHA VER

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.