Ultimas Noticias

sábado, 11 de junho de 2016

Anunciantes estão trocando o Twitter pelo Instagram

Os anunciantes estão se voltando cada vez mais para o Instagram e deixando o Twitter de lado quando o assunto é campanha publicitária em mídias sociais, segundo uma pesquisa da Strata, uma unidade da Comcast.
O Instagram conta com mais de 200 mil anunciantes, enquanto o Twitter possui 130 mil.
O levantamento revela que 63% dos anunciantes usariam o aplicativo de compartilhamento de fotos, enquanto 56% também incluiriam o Twitter como ferramenta para publicidade. Ainda assim, o Facebook domina com 96% dos anunciantes afirmando que provavelmente o usariam. Vale ressaltar que o questionário da pesquisa permitia mais de uma resposta, por isso, o total é maior que 100%.

Algumas agências de publicidade afirmam que seus clientes estão mudando a distribuição de orçamento para outras redes sociais porque o Instagram tem mais usuários – são mais de 400 milhões de usuários em comparação com 310 milhões no Twitter – e porque a tecnologia de anúncios do Facebook permite atingiu públicos-alvo mais específicos.
Além disso, por ser propriedade do Facebook, o Instagram tem a vantagem de usar a tecnologia de publicidade do Facebook e vem desenvolvendo características que o tornam mais útil para compartilhar notícias e atividade do que o Twitter.
O microblog, obviamente, rejeitou os resultados da pesquisa, apontando um estudo de 2015 que mostrou que 37% dos anunciantes estavam dispostos a comprar anúncios no Twitter, contra 28% no Instagram. “Os dados apresentados neste inquérito não poderiam estar mais longe da verdade”, disse um porta-voz do Twitter. Por UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.