• Últimas Notícias

    terça-feira, 14 de junho de 2016

    Alerta: Mais um jovem morre durante ensaio de quadrilha junina no interior do RN

    Foto via facebook
    Segundo informações da 3ª CIPM de Polícia de Currais Novos, o jovem Bruno Kellison de 24 anos, (foto ao lado) passou mal e morreu na noite desta segunda-feira (13) quando participava de um ensaio para uma quadrilha junina, quando era realizado no Colégio Tristão de Barros.

    Bruno, que era integrante da quadrilha junina Raízes do Sertão, ainda chegou a ser socorrido até o Hospital Regional Mariano Coelho, mas deu entrada na urgência já sem vida.


    Ainda segundo informações, o jovem residia no Sitio Cachoeira, município de Currais Novos. 

    A menos de 20 dias outro jovem morreu de parada cardíaca quando também participava de outro ensaio junino da quadrilha Explosão Junina, na cidade de Governador Dix Sept Rosado. 

    Segundo informações, o jovem Carlos Eduardo de 23 anos, (foto ao lado) passou mal e também desmaiou, foi socorrido e também veio a óbito na noite de 25 de maio último. 

    Um alerta. 

    Há vários anos é crescente os registros de desmaios e tonturas nos jovens que participam dos ensaios e também nas competições das quadrilhas juninas. Até a exaustam vários jovens passam mal e correm o risco de perderem suas vidas sem que haja um acompanhamento médico. Já é tempo das autoridades e dos próprios administradores das quadrilhas analisarem essas lamentáveis ocorrências. Lembrem que prevenir salva vidas. 

    Blog O Paralelo


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.