Ultimas Noticias

terça-feira, 15 de março de 2016

PF/RN prende em Natal foragido da Justiça que usava documento falso

A Polícia Federal no RN (PF/RN) cumpriu nesta terça-feira (15), no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal, um mandado de prisão expedido pela 12ª Vara Criminal contra um mecânico de 31 anos, foragido da Justiça.

Ele cumpria pena no regime semiaberto, mas deixou de comparecer ao presídio, destaca informação da assessoria de imprensa da instituição, na capital potiguar.

A ação que resultou na sua prisão aconteceu após ele ter prestado depoimento, no começo deste mês, na superintendência da PF/RN. Naquele dia, o homem foi conduzido para dar explicações devido ao fato de ter sido encontrado na companhia de um grupo suspeito de praticar assaltos contra agências dos Correios no RN.

No entanto, foi liberado horas depois por não existirem provas do seu envolvimento nos crimes. Ainda naquela data, mesmo tendo apresentando uma carteira de identidade, a PF/RN fez a sua identificação datiloscópica e, para surpresa dos policiais, ao sair o resultado dos exames, restou comprovado que o nome verdadeiro daquela pessoa era outro e que existia, contra ela, um mandado de prisão da Justiça Estadual.

De posse da informação, os policiais iniciaram novas buscas e ele foi localizado na manhã desta terça no interior de um estabelecimento comercial. Conduzido para a sede da PF/RN, o preso declarou que utilizava documento falsificado e deixou de comparecer ao presídio porque havia sofrido um atentado a bala e, desde então, com medo de morrer, adquiriu na feira do Conjunto Nova Natal, uma nova cédula de identidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.