• Últimas Notícias

    segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

    Motorista invade Ministério da Fazenda com caminhonete e é preso pela PF

    Resultado de imagem para Caminhonete invade Ministério da Fazenda e Polícia Federal faz perícia no local
    Um motorista invadiu a entrada do prédio do Ministério da Fazenda com uma caminhonete nesta segunda-feira (4/1). O fato ocorreu por volta das 4h30. De acordo com a Polícia Militar, o condutor se identificou como servidor da Receita Federal em Londrina (PR) e alegou que o motivo da invasão foi política. A Receita Federal confirmou que o condutor Alexandre Pacanaro Agudo é analista-tributário do órgão e ingressou no cargo em 2004.

    Servidores que chegaram ao local depois do ocorrido encontraram a entrada principal do prédio interditada. Com a força do impacto, as catracas ficaram destruídas e fragmentos de vidro ficaram espalhados pelo chão. A caminhonete Volkswagen Amarok de cor preta tem placa de Londrina. 

    De acordo com o Detran-DF, o veículo apresenta débitos de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), licenciamento e seguro obrigatório. Ao todo, os valores somam R$ 3.147,38. 

    Em nota, o Ministério da Fazenda informou que a invasão destruiu a porta de entrada e as catracas do edifício-sede.  O órgão ressaltou que não houve vítimas e confirmou expediente normal para esta segunda-feira. A entrada dos servidores está sendo feita pelo edifício anexo. 

    Os militares conduziram o homem à Polícia Federal. De acordo com a corporação, ele teria dito que não gostava do Partido dos Trabalhadores (PT). A Polícia Federal fará a perícia no local. *Por Correio Braziliense

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.