• Últimas Notícias

    domingo, 17 de janeiro de 2016

    Arbitragem brasileira poderá contar com auxílio de vídeo, diz jornal

    DA LANCEPRESS
    Resultado de imagem para tira teimaNão é de hoje que as decisões da arbitragem brasileira passa por fortes críticas. No entanto, com a intensificação das reclamações por parte de torcedores e também de representantes de diversos clubes, os árbitros poderão contar com o auxílio de vídeo já para esta temporada do campeonato Brasileiro, de acordo com informação apurada pela Folha de São Paulo.
    Na reportagem,  os diretores do Ifab (International Football Association Board), recomendaram fortemente a aprovação de testes com o auxílio de vídeos durante jogos de futebol. A possibilidade para que os árbitros utilizem a tecnologia nos jogos da Série A, é real, já que haverá a Reunião Anual Geral entre os dias 4 e 6 de março, para que a questão seja discutida, conforme afirma o secretário-geral do Ifab, Lukas Brud.

    "O Ifab prefere que os testes sejam feitos em torneios de menor repercussão, para não alimentar a expectativa pública. Mas nesse caso, em que dependemos de imagens de televisão, talvez tenhamos que fazer nas ligas superiores. No caso do Brasil, o cronograma é favorável, então, é possível", explicou Brud.
    Além do Brasil, o secretário-geral conta que Estados Unidos e Holanda também têm interesse na tecnologia, mas somente um deles manifestou querer usar o vídeo exclusivamente em suas principais competições.

    De acordo com com Lukas Brud, a decisão não foi tomada na reunião anterior, que aconteceu em 7 de janeiro, porque a entidade aguarda a participação do presidente da Fifa, que só será conhecido em 26 de fevereiro.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.