• Últimas Notícias

    segunda-feira, 30 de novembro de 2015

    “Sexolândia”; Disney do sexo terá roda gigante privê e trem erótico, diz empresário

    Disney do sexo terá roda gigante privê e trem erótico, diz empresárioRoda gigante privê, trem fantasma erótico, piscinas e labirinto também com motivos sexuais. Os equipamentos são algumas das atrações que fazem parte de um projeto inusitado e ambicioso: o “Erotikaland”, um parque temático previsto para ser construído até o final de 2017 na região de Piracicaba (SP). Com orçamento de até R$ 150 milhões, a “Disney do sexo”, como definem os idealizadores, pretende ser um complexo para homens e mulheres que queiram se divertir e passar por experiências ligadas apenas ao tema.

    Não é para ir freiras, mas também não vai ser Sodoma e Gomorra"

    De roda gigante com cápsulas de vidro onde o casal enxerga tudo o que está em volta, mas ninguém de fora vê com o que acontece dentro dela, até restaurantes com pratos afrodisíacos e piscinas de naturismo estáo previstos no projeto. A “sexolândia” foi idealizada pelos empresários de São Pedro (SP) Mauro Morata e Paulo Meirelles, em parceria com Evaldo Shiroma, responsável por uma feira erótica do estado de São Paulo.

    Brasil: Promotora de Justiça do caso Telexfree é encontrada morta com tiro na cabeça

    Resultado de imagem para promotora do caso telexfree é assassinadaA promotora Nicole Gonzales Colombo Arnoldi (foto) foi encontrada morta no inicio da noite deste domingo, 29, em seu apartamento, localizado no Condomínio Florença, próximo a Uninorte e ao Tribunal de Justiça do Acre, em Rio Branco.

    Natural da cidade de Araraquara, no interior de São Paulo, Nicole, de 35 anos, ingressou na carreira de promotora no MP do Acre em dezembro de 2009 e foi uma das responsáveis pelo bloqueio das contas e encerramento das atividades da Telexfree no Brasil, caso que teve repercussão internacional. Atualmente, ela era responsável pela promotoria do município de Bujari. 

    A policia militar foi acionada por vizinhos quando um disparo foi ouvido no apartamento da vitima. De acordo com informações, Nicole foi encontrada com a marca de um tiro na cabeça.

    Informe Publicitário: JK Studio e Cartuchos em Santa Cruz, ligue e confira nossos serviços (84) 9-9994-3327

    Trabalhamos com manufaturas de cartuchos jato de tinta, Toner, consertos de impressoras HP e Epson. Também trabalhamos com digitalização de:
    • Fitas de Video K7 (VHS) para DVD
    • Fitas de áudio K7 para CD e MP3
    • Disco de Vinil para CD e MP3.
    • Gravamos comerciais para carros de som e rádios.
    • Consertos em impressoras jato de tinta e toner 
    Atenção: você que trabalha com recargas de toner, temos insumos e peças para reposição, cilindros para HP, Brother (foto condutores) e Samsung.
    Dividimos nossos serviços nos cartões;
      Visa, Mastercard, American Express, Diners e Elo
    Ligue e confira nossos serviços:
    TIM (84) 9-9994-3327 / OI (84) 98892-1572 
    Nosso Whatsapp (84) 9-9994-3327

    Rede de empresas frauda Minha Casa em 3 estados

    A Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Controladoria-Geral da União afirmam ter descoberto quatro casos, em três estados diferentes (Rio Grande do Sul, Acre e Minas Gerais), em que um grupo de empresas se unem para driblar concorrências e pagar propina a servidores públicos em licitações do programa habitacional Minha Casa Minha Vida. Ao todo, mais de 300 ações foram abertas para analisar os atos praticados e suas ramificações. 


    A Controladoria-Geral de Minas Gerais abriu uma apuração interna para analisar se há responsabilidade de servidores públicos em possíveis irregularidades referentes a licenças concedidas à mineradora Samarco. O processo corre em sigilo. 
    *Por Blog do Magno

    Sigilo em loterias da caixa pode favorecer fraude

    CAIXA MANTÉM EM SEGREDO PESSOAS QUE GANHARAM LOTERIA 500 VEZES.

    A insistência da Caixa em manter sob sigilo os ganhadores dos milionários prêmios das loterias reforça suspeitas sobre o uso do dinheiro dos sorteios em esquemas de lavagem de dinheiro, por exemplo. Mexer nisso é como cutucar vespeiro: autor de um projeto que obrigava a Caixa a divulgar a identidade dos ganhadores de loteria, o ex-senador Gerson Camata (PMDB-ES) sofreu várias ameaças.

    A Caixa alega “questão de segurança” para manter o segredo. Só no Brasil apostadores de loteria não têm direito de saber quem venceu.
    Projeto de Álvaro Dias (PSDB-PR), sobre o qual se senta o relator José Pimentel (PT-CE), prevê “banco de dados” identificando ganhadores.
    Álvaro Dias apresentou seu projeto após alguém ser “premiado” mais de 500 vezes. “Um outro ganhou mais de 240 vezes em um mês”. *Por Coluna Cláudio Humberto