• Últimas Notícias

    terça-feira, 22 de setembro de 2015

    Governo do Estado e municípios assinam termo de cooperação para funcionamento de casas de cultura popular

    Resultado de imagem para casas de cultura popular
    O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Fundação José Augusto (FJA), realizará solenidade de assinatura do termo de cooperação com 11 municípios para o funcionamento de Casas de Cultura Popular. O evento será nesta quinta-feira (24), na Pinacoteca Potiguar, às 15h.

    Apodi, Serra Negra do Norte, Timbaúba dos Batistas, Pau dos Ferros, Nova Cruz, Jardim do Seridó, Goianinha, Viçosa, Campo Grande, Angicos e Umarizal vão oficializar a parceria em documento válido por um ano. 

    O coordenador das Casas de Cultura do RN, Messias Domingos, explica que o apoio das prefeituras é antigo. “Elas já têm diferentes relações com as Casas. Algumas contribuem com realização de atividades, oferecem auxiliar de serviços gerais, produtos de limpeza e escritório. Outros ocupam salas com órgãos municipais”, conta, ressaltando a importância de tornar oficial essa ligação.

    PRF/RN realiza leilão de veículos apreendidos na cidade de Mossoró.


    A PRF no Rio Grande do Norte realizará nesta quinta-feira (24) um grande leilão de veículos apreendidos na cidade de Mossoró. Ao todo mais de 420 veículos entre motos, carros e caminhões que estavam nos pátios serão colocados a leilão  à partir das 9hrs no auditório do Hotel Villa Oeste.

    Confira o edital e fotos no sitewww.lancecertoleiloes.com.br/leilao/23092015VE.

    Venezuela posiciona mísseis na fronteira com o Brasil e Guiana

    Caminhões com lançadores de mísseis S 125 Pechora das forças armadas da Venezuela foram vistos nesse domingo (20) se movimentando na região sul do estado de Bolivar, que faz fronteira com o Brasil, via Roraima, e praticamente toda extensão da parte oeste de Guiana. Imagens dos veículos foram postadas no Twitter pelo usuário @DarioGraffe, um ativista estudantil.

    O governo venezuelano ainda não confirmou a movimentação dos veículos ou o motivo da suposta operação. O assunto pode estar relacionado a atual crise entre Venezuela e Guiana, que disputam áreas marítimas ricas em petróleo.

    E as forças armadas bolivarianas da Venezuela estão com o treinamento em dia. Em março deste ano, um destacamento militar venezuelano realizou um treinamento com mísseis Pechora. As manobras foram realizadas em Apure, região sudoeste do país durante a operação “Escudo Soberano 2015”, que também envolveu a movimentação de caças F-16 e Su-30.

    O míssil Pechora, fabricado na Rússia, é antigo, sendo fabricado desde 1961 e ganhou notoriedade em combates no Oriente Médio, em especial contra aviões da força aérea de Israel.

    Concurso temporário de R$ 3,3 mil para 56 médicos legistas

    A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), por meio do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP-RN), aguarda a aprovação de um projeto de lei, que tramita na Assembleia Legislativa, para autorizar a realização do processo seletivo simplificado para contratação de 56 médicos legistas, que pretende suprir a urgente necessidade de profissionais no órgão.

    Atualmente, o ITEP dispõe de 13 médicos legistas para atender toda a demanda do Estado, quantitativo insuficiente para disponibilizar médicos legistas 24 horas por dia no ITEP/Natal e para completar a escala de médicos legistas todos os dias do mês nas unidades regionais do ITEP em Caicó e Mossoró.

    Segundo informações publicadas pelo jornal DeFato, a proposta é que prazo do contrato temporário dos legistas seja de um ano, podendo ser prorrogável por igual período, prazo necessário para que seja realizado o concurso público para admissão e substituição dos médicos legistas temporários por efetivos.

    Caso o Projeto de Lei seja aprovado com seu teor original, o contrato temporário prevê uma remuneração de R$ 3,3 mil para médicos legistas com carga horária de 20 horas semanais, e R$ 6,6 mil para os profissionais com carga horária de 40 horas. 

    Hackers brasileiros lançam golpe no WhatsApp para roubar dados pessoais

    Resultado de imagem para WhatsApp
    Foi identificado o primeiro golpe via WhatsApp desenvolvido por cibercriminosos brasileiros. De acordo com comunicado da empresa de segurança digital Kaspersky Lab, assim como o golpe de phishing (armadilha digital que usa uma isca) latino-americano que surgiu há um mês prometendo desconto para a cafeteria Starbucks, a mensagem brasileira também oferece descontos — no caso, de R$ 500 — e utiliza as redes de supermercados Carrefour e Extra para direcionar a vítima para o site da suposta promoção. Só que, diferentemente do golpe estrangeiro, a versão auriverde pede para que a pessoa ligue para um número de telefone premium, fazendo com que o golpista lucre ainda mais com o ataque.

    As mensagens utilizam os links “bbit.ly/extracupom” e “bbit.ly/carrefourcupom”, que aparentemente pertencem a algum serviço encurtador de URLs, para levar a vítima para os sites falsos “extra.supermarket.gift” e “carrefour.supermarket.gift”. O encurtador de links verdadeiro é o “bit.ly”. No caso do golpe em pauta, o site convida a vítima potencial a preencher um formulário para coletar seus dados pessoais e solicitar a indicação de dez contatos para ter acesso ao suposto cupom de R$ 500 de desconto.

    Dólar comercial atinge R$ 4,04 e tem maior cotação da história

    ReproduçãoA cotação do dólar na manhã de hoje (22) alcançou R$ 4 e é a mais alta, desde a criação do Plano Real, em 1994. A cotação atingiu os R$ 4,04 nesta manhã. Ontem (21), apesar da intervenção do Banco Central (BC), a moeda norte-americana fechou o dia com alta de 0,57%, vendido a R$ 3,981. O recorde para o fechamento da moeda ocorreu em 10 outubro de 2002, quando o dólar fechou o dia cotado em R$ 3,99. 

    Ontem (21), além de vender dólares no mercado futuro, por meio da rolagem (renovação) dos leilões de swap cambial, o Banco Central ofertou US$ 3 bilhões por meio de um leilão de venda com compromisso de recompra. Nessa modalidade, o BC vende dólares das reservas internacionais, mas adquire a divisa de volta algum tempo depois. 

    Para hoje, embora o BC não tenha anunciado, até o momento, novo leilão de venda com compromisso de recompra, a instituição fará mais um leilão de rolagem de swap cambial. 

    MC reduz burocracia para ampliar rádios comunitárias e educativas

    Resultado de imagem para radios comunitarias
    O processo de outorga de novas rádios comunitárias e de emissoras educativas será desburocratizado, reduzindo de forma significativa o número de documentos que deverão ser apresentados pelas entidades durante a seleção.

    Pelas novas regras, para concorrer a uma autorização de rádio comunitária cada interessado vai ter de apresentar apenas 7 documentos - antes, eram 33.
    A modernização será implementada por meio de duas portarias que foram publicadas pelo Ministério das Comunicações nesta segunda-feira (21). A diminuição da burocracia começou com a criação, em março deste ano, do Grupo de Trabalho de Desburocratização e Simplificação dos Processos de Radiodifusão (GTDS).
    "Essa medida é fundamental para que os serviços de radiodifusão sejam regularizados e possam ser fiscalizados com eficiência e agilidade", diz o ministro Ricardo Berzoini. "Além disso, a desburocratização deve gerar uma ampliação no número de rádios comunitárias e educativas em todo o país", afirma.


    Governo vai tomar imóveis de inadimplentes do Minha Casa, Minha Vida.


    O governo Dilma Rousseff pretende modificar o tratamento para os beneficiários que foram contemplados pelo programa Minha Casa Minha Vida. Diante do quadro grave de crise econômica, a Caixa Econômica resolveu interpelar os beneficiários inadimplentes com o programa e vai retomar os imóveis daqueles que possuem prestações atrasadas.

    A análise do ministério das Cidades verificou que, a quantidade de beneficiários que estão com situação irregular, ou seja, com prestações atrasadas ficou, em torno de 22%, no primeiro trimestre deste ano. Esta informação, veiculada no portal G1, diz respeito aos inscritos na chamada faixa 1, ou seja, para as famílias, cujo rendimento mensal está na faixa de R$ 1.600,00 mensais. Esta porcentagem ficou em um patamar, cerca de dez vezes acima dos inadimplentes que possuem um contrato de financiamento tradicional. Para complementar, o ministério das Cidades declarou que cerca de um quarto dos contratos, na mesma faixa do Minha Casa Minha Vida está com prestações de mais de 90 dias de atraso.

    O governo decidiu então apertar o cerco aos devedores. Ele toma esta decisão diante da situação de crise econômica, que reduz a quantidade de recursos e o fato de que, o montante que foi investido para a elaboração do programa é dinheiro público, portanto, deverá ser fiscalizado quanto à sua correta utilização. De acordo com o ministério das Cidades, as regras deverão ser seguidas e os imóveis inadimplentes serão retomados e entregues para outros beneficiários inscritos.