Ultimas Noticias

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Padre espanhol e italiana são presos após vazamento de informações Vaticano

Um padre espanhol e uma mulher italiana que trabalharam em uma comissão de reforma financeira estabelecida pelo papa Francisco foram presos após o vazamento de informações e documentos confidenciais, informou o Vaticano nesta segunda-feira. Um comunicado do gabinete de imprensa da Santa Sé disse que o Ministério Público do Vaticano confirmou a detenção dos dois, que foram interrogados no fim de semana.
O comunicado identifica a mulher como Francesca Chaouqui e o sacerdote como Dom Lucio Anjo Vallejo Balda. Ele ainda é um empregado do Vaticano. Ambos tinham servido em uma comissão criada pelo papa Francisco em 2013 como parte de seu esforço para reformar as finanças da Santa Sé. A comissão não existe mais.
O reverendo Ciro Benedettini, porta-voz do Vaticano, disse que Vallejo Balda está sendo mantido em uma cela na Cidade do Vaticano. Já a mulher foi liberada porque colaborou com as investigações. “Chaouqui forneceu o máximo de cooperação e documentos em apoio ao que ela declarou ter depositado”, afirmou Giulia Bongiorno, advogada do italiana, em entrevista à agência de notícias italiana ANSA. Em sua página na rede social LinkedIn Chaouqui se descreve como uma especialista em comunicação. *Por Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.