• Últimas Notícias

    quinta-feira, 26 de novembro de 2015

    Cantora Joelma vai tirar a roupa para revista? Filha sobre ensaio nu da mãe: ‘Ela é evangélica,não vai topar’

    A notícia de que Joelma pode posar nua e ser capa da revista "Sexy" animou o mercado editorial nesta quinta-feira, 26. Segundo o diretor da publicação, Henrique Rossi, a cantora deve conversar com a direção da revista nas próximas semanas, em São Paulo, e o sonho de ver a loira nua pode se tornar realidade.

    Pensando nisso, tentamos adiantar o trabalho da revista e sondar a filha de Joelma, Natália Sarraf, para saber se ela deve aceitar ou não a proposta ousada.
    "Sobre isso prefiro não comentar. Só ela para responder mesmo. Mas ela é evangélica, não topa fazer isso, não", disse Natália para desânimo dos marmanjos que contavam com a nudez da cantora.
    Joelma já integrou por alguns anos a lista das cem mulheres mais sexy do mundo, numa eleição feita pela da revista “VIP”.
    PROPOSTA
    "No início da semana, surgiu a notícia de que estávamos de olho na nova cantora do Calypso e até achamos ela interessante, mesmo. Mas pensamos: Por que não convidarmos a própria Joelma?". Segundo Rossi, no entanto, ainda não tem nada definido. "Está tudo muito cru. Ligamos para a produtora dela nessa semana, mas ainda não tivemos nenhum tipo de resposta afirmativa ou negativa. Seria muito interessante, porque ela nunca fez nu e desperta interesse das pessoas", afirmou ele.

    Fonte: Ego

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.