• Últimas Notícias

    domingo, 28 de dezembro de 2014

    Homem amarra e obriga a própria avó de 80 anos a comer 1 quilo de sal no Interior do RN

    Edevaldo da Silva Soares, de 33 anos, o ‘Babau’, foi preso na manhã do último dia 25, em Currais Novos, após fazer esposa e avó de reféns e obrigar a aposentada a comer 1 quilo de sal. Os policias militares que atenderam a ocorrência disseram ter encontrado uma senhora de 80 anos identificada como Amália Regina da Conceição, trancada em um quarto, juntamente com a esposa do acusado, com os pés e as mãos amarrados. Elas apresentavam lesões no rosto.

    A esposa de edevaldo disse ele chegou a obrigá-las a comer cerca de 1 quilo de sal. A senhora foi socorrida pela guarnição até o Hospital Regional Mariano Coelho, onde se encontra internada em observação. O acusado reagiu a prisão, mas foi dominado e algemado pelo os PMs. Ele foi encaminhado para a delegacia, onde foi realizado os procedimentos legais e, logo em seguida, levado ao Centro de Detenção Provisória, onde ficará preso à disposição da Justiça.

    Há alguns anos, Edevaldo também tentou cometer suicídio, ao pular de cima da Pedra do Cruzeiro, ponto turístico de Currais Novos. Ele sofreu várias fraturas nos membros inferiores.
    Portal 190rn

    Biografia de Edir Macedo foi o livro mais vendido no Brasil em 2014

    Biografia do bispo Edir Macedo vendeu 753 mil cópias
    RICARDO STUCKERT/PR/ARQUIVO/JC
    O livro Nada a Perder - Volume 3 (editora Planeta), biografia do bispo Edir Macedo, foi o mais vendido no Brasil em 2014. Segundo ranking do site PublishNews, que monitora as vendas de 25% a 35% das livrarias do país, foram comercializadas 753 mil cópias do livro.

    No ano passado, o segundo volume da biografia, escrita por Macedo e Douglas Tavolaro, também liderou a lista do site, com cerca de 850 mil livros vendidos.

    No ranking de 2014, logo após Nada a Perder vêm A Culpa É das Estrelas (editora Intrínseca), de John Green, e Ansiedade: Como Enfrentar o Mal do Século (editora Saraiva), de Augusto Cury. O primeiro vendeu quase 640 mil cópias. O segundo, 346 mil. *Por Jornal do Comércio

    Galã dos anos 70 e 80, que deixou a fama no auge, hoje faz poesia em quiosque

    Tornaghi com Christiane Torloni: casal em 'A gata comeu'Eduardo Tornaghi pode não lembrar mais o galã das décadas de 70 e 80, mas o timbre aveludado de sua voz é inconfundível. Aos 62 anos, o ator que desistiu da carreira no auge não se arrepende da sua escolha. “Minha opção foi ter rotina simples, viver em paz com minha consciência. Lembro que, quando decidi sair, pensei: ‘Tenho bom carro, apartamento, como vou manter o padrão?’. 

    Preferi acreditar no que buscava, vendi tudo e viajei pelo Brasil, dando aulas nas periferias, em presídio, para meninos de rua. Eu me orgulho de ter tomado essa atitude”.

    Apesar de Tornaghi dizer que nunca abandonou a profissão, houve um tempo em que isso de fato aconteceu. Foi quando fez Psicologia. “Após a faculdade, fui clinicar e não podia ser uma pessoa pública. Então, parei. Até receber uma ligação de Fernanda Montenegro me convidando para a peça ‘A mulher de todos nós’ (1975). Então, vi que não era um cientista, mas um artista. E voltei”, relembra o ator, que, entre outros sucessos, esteve em “Dancin’ Days” (1978) “Vereda tropical” (1984) e “A gata comeu” (1985). *Por Extra

    Lei Seca. Com a vida não se brinca

    Por Kezia Lopes
    Temos assistido nestes últimos dias, uma enxurradas de criticas e brincadeiras de mal gosto contra a equipe que trabalhava na Operação Lei Seca, composta por Delegado Civil, Policiais Militares e Detran. As ironias de forma grotescas sempre direcionadas ao Tenente Styvenson. Em nenhum momento quem pratica ou apoia tal ato, lembra que a vida é um relógio, que são nossas ações que decide se continua ou para.

    Vídeos de pessoas querendo aparecer, autoridades que deveriam dar o exemplo, cidadãos comuns fora do seu equilíbrio racional, insistindo em brincar com a vida. A alguns anos atrás um caminhoneiro alcoolizado, destruiu a vida de um enter querido nosso, isto aconteceu a poucos metros de distancia de um posto policial federal na cidade de Lajes. Aqui em Natal, Rota do Sol, uma jovem cheia de sonhos, linda, vinha em sua moto para casa, quando foi trancada por um ônibus e em seguida morta por um alcoólatra no volante. Se eu for narrar várias historia aqui, faltaria espaço. Até que uma equipe, decidiu que com a vida não se brinca, e acreditando nisto, abraçou a operação Lei Seca, como um pai abraça um filho para lhe proteger. E muitos acidentes tem sido evitados. Muitas vidas tem sido poupadas.

    Mc Gui ostenta segurança reforçada por PMs na capital Potiguar




















    A falta de efetivo na Segurança Pública do Rio Grande do Norte é notória. Basta qualquer cidadão sair às ruas que perceberá a ausência de policiais circulando constantemente. Ou você costuma ter policiais na sua rua? Não né. Pois bem, quando se trata de “estrelas” ou “autoridades” em território potiguar, sobram policiais. Exemplo disso é o funkeiro Mc Gui, que esteve em Natal esses dias e ostentou, literalmente, a presença de PMs em seu esquema de segurança.

    Segundo reportagem do Portal BO, o rapaz chegou a postar no Facebook uma foto cercado de policiais militares e também amarelinhos da Prefeitura de Natal. O esquema de segurança do funkeiro, pelo menos o da foto, conta com sete PMs. Mas, o efetivo foi ainda maior.

    Mc Gui aproveitou sua passagem por Natal também para ostentar o luxo. Ele passeou pelas ruas da capital potiguar em uma pomposa limousine e foi escoltado por algumas viaturas da Polícia Militar em todo o trajeto que fez.

    Do Paralelo - A produção responsável por essa "mini estrela" deveria ter contratado uma segurança particular mas, a nossa polícia paga por nós contribuintes é quem lhe fez a proteção. VERGONHA!

    Por não comprovar participação em bolão, Justiça nega prêmio da Mega Sena para mulher

    Por não comprovar participação em bolão, Justiça nega prêmio da Mega Sena para mulherUma mulher que participou de um bolão da Mega Sena da Vira de 2012 perdeu o direito de receber parte do prêmio de R$ 81,5 milhões, por não ter conseguido comprovar que tinha participado do jogo, junto com três amigos. 

    Para o juiz Enyon Fleury de Lemos, da 18ª Vara Cível e Ambiental de Goiânia, a autora da ação não apresentou provas suficientes de que havia participado do bolão.

    Autor de atentado contra João Paulo II aguarda ordem de expulsão da Itália

    Autor de atentado contra João Paulo II aguarda ordem de expulsão da Itália
    Foto AFP
    Responsável por um atentado contra o papa João Paulo II, no dia 13 de maio de 1981, na Praça São Pedro, o turco Mehmet Ali A ca visitou neste sábado (27) o túmulo do pontifício morto e deverá receber nas próximas horas  a ordem de expulsão da Itália. João Paulo II está enterrado na Basílica de São Pedro, no Vaticano, local santificado neste ano pelo papa Francisco. depositou dois maços de rosas brancas na capela onde está o corpo do antigo papa. 

    De acordo com o vice-diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, padre Ciro Benedettini, A ca pôde entrar na Basílica sem nenhum problema, pois não tem qualquer pendência judiciária com o Vaticano, mas a situação não é a mesma para o Estado italiano. Ele entrou no país sem o visto obrigatório e deve receber, na delegacia em que está detido, a ordem de expulsão. 

    O turco resolveu visitar o túmulo de João Paulo no dia 27 de dezembro porque foi a mesma data em que recebeu a visita de João Paulo na prisão de Rebibbia, em 1983. Ele cumpriu 19 anos de prisão pelo ataque do papa durante cerimônia pública. Ele ainda passou mais 10 anos na cadeia por conta do assassinato de um jornalista. 

    Eleitor que não justificou ausência nas eleições terá que pagar multa

    O eleitor que deixou de votar no segundo turno (26 de outubro) e não justificou a falta perante o juiz eleitoral deve pagar multa para regularizar sua situação, conforme previsto no artigo 7° do Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965).
    Os que não compareceram no primeiro turno (5 de outubro) das Eleições 2014 tiveram até o dia 4 de dezembro para justificar a ausência. Já os eleitores que faltaram ao segundo turno do pleito tiveram até 26 de dezembro. A Justiça Eleitoral considera cada turno de votação uma eleição autônoma.

    Sem o comprovante de votação, ou de quitação de suas obrigações eleitorais, o eleitor fica impedido de exercer alguns direitos, tais como: inscrever-se em concurso público; ser empossado em cargo público; obter passaporte; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial; obter empréstimos em bancos oficiais; e participar de concorrência pública ou administrativa.

    Dois prefeitos denunciados em dezembro por fraudes em licitações

    O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por meio de seu Procurador-Geral de Justiça, ajuizou três denúncias contra dois prefeitos neste mês de dezembro em razão de fraudes em licitações: Ivan de Sousa Padilha, de Pendências, George Retlen Costa Queiroz, de Jucurutu.
    A primeira denúncia, n° 2014.022782-9, aponta irregularidades no processo de dispensa de licitação para contratar empresa de pavimentação de ruas no município de Pendências. Segundo o MPRN, no ano de 2013 os denunciados Ivan de Souza Padilha e José Adailton Barbosa de Souza, auxiliados pelos integrantes da Comissão Permanente de Licitação (CPL), dispensaram licitação fora das hipóteses previstas em lei, para contratação da Construtora Jales Ltda. (Conjal), no valor global de R$ 1.708.485,43.

    Avião da AirAsia desaparece na Indonésia com 162 pessoas a bordo

    No terceiro a incidente ligado à Malásia neste ano, um avião da AirAsia com 162 pessoas a bordo desapareceu neste domingo quando voava sobre o Mar de Java, depois de ter decolado de uma cidade na Indonésia com destino a Cingapura.
    Os dois países imediatamente iniciaram operações e busca e resgate pela aeronave que fazia voo 8501, mas não havia sinais do avião mais de sete horas depois de ele ter perdido contado com os controladores.
    A AirAsia, uma empresa de baixo custo fundada em 2001 pelo empresário malaio Tony Fernandes, disse em comunicado que o Airbus A320-200 desaparecido seguia a rota prevista. Porém, o piloto havia pedido um desvio em razão das condições climáticas antes de perder contato, quando o avião ainda estava sob o controle de tráfego aéreo da Indonésia.
    A companhia aérea, que atua na maior parte do sudeste asiático e recentemente passou a operar tamém na Índia, nunca perdeu um avião antes e tem bons registros de segurança.