• Últimas Notícias

    sábado, 8 de fevereiro de 2014

    Após sofrer assalto, vítima persegue, atropela e mata suspeito no Piauí

    Carro parcialmente destruído ficou em cima da moto (Foto: Silvio Vieira/CliquePiripiri)

    Após ter sido vítima de um assalto, um empresário perseguiu e atropelou os suspeitos, deixando um morto, por volta das 13h, desta sexta-feira (7) na cidade de Brasileira, a 172 km ao Norte de Teresina. De acordo com o capitão Albert, da Polícia Militar, a dupla teria assaltado uma casa lotérica na cidade e ainda roubou uma motocicleta de um vereador para fugir. “O dono da lotérica revoltado com a situação pegou o carro da família e saiu em perseguição aos bandidos. A 12 km de Piripiri ele avistou e atropelou os suspeitos. Com o impacto um morreu na hora e outro ficou ferido”, contou o capitão.
    Após a colisão, o proprietário da lotérica, apontado como atropelador, fugiu e a polícia ainda não conseguiu encontrá-lo. “Ele será intimado para prestar esclarecimentos, pois mesmo na condição de vítima ele pode passar também a de suspeito de homicídio”, explicou.

    Suspeito de portar explosivo que feriu cinegrafista se apresenta à polícia

    Imagem do cinegrafista sendo socorrido -Kátia Carvalho / Parceira / Agência O Globo
    Um homem suspeito de portar o explosivo que feriu com gravidade o cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Andrade, no protesto contra o aumento de tarifas no Rio de Janeiro na quinta-feira (6), se apresentou à polícia na madrugada deste sábado (7). 

    Segundo declarações do delegado Maurício Luciano, da 17ª DP, à Globo News, o homem foi identificado por uma imagem gravada pela equipe da TV Brasil no dia do protesto. As imagens mostram o homem de bermuda preta entregando o explosivo para o segundo suspeito, que o acendeu segundos antes do incidente que terminou vitimando o cinegrafista. “No nosso entendimento, os dois são culpados pelo crime e vão responder pelo porte de explosivo e tentativa de homicídio. 

    O depoimento dele, dizendo que não teve participação, não nos convenceu”, afirmou. “Ele disse que não conhecia o segundo elemento e que não sabia que o explosivo iria deflagrar. Ele disse ainda que encontrou o explosivo no chão e ficou portando ele durante toda a manifestação e que o segundo homem é que teria colocado o artefato no chão, próximo ao Santiago, e acendido o pavio”, completou o policial. 

    O próximo passo da investigação será analisar outras imagens para tentar identificar o segundo suspeito. O delegado se disse convencido de que o jovem que prestou depoimento mentiu ao dizer que não conhecia o outro rapaz e que esse fato será apurado.


    Atacante brasileiro do Shakhtar morre em acidente de carro

    Criado nas categorias de base de Flamengo e Fluminense, o atacante Maicon, de 25 anos, morreu em acidente de carro neste sábado, na Ucrânia. O Shakhtar Donetsk, clube com o qual o atleta tinha vínculo desde 2012, confirmou a notícia através de publicação em seu site oficial no início deste final de semana.
    “O FC Shakhtar Donetsk informa com pesar que a vida do futebolista Maicon Pereira de Oliveira foi tragicamente ceifada no dia 8 de fevereiro de 2014. Ele morreu em um acidente de carro em Donetsk”, afirmou a agremiação na nota.
    Sem oportunidade entre os profissionais das equipe cariocas, Maicon rumou ao continente europeu em 2009, quando acertou contrato com o Volyn. O atacante atingiu seu auge na temporada 2011/2012, quando conquistou artilharia do Campeonato Ucraniano  e também da Copa da Ucrânia. Com isto, acabou adquirido pelo Shakhtar.
    “Maicon era um jogador talentoso, uma pessoa aberta e amigável que amava a vida e sabia como trazer para ela positivismo e alegria. Esta morte trágica, prematura e sem sentido arrancou de nosso convívio uma pessoa maravilhosa. Maicon tinha apenas 25 anos”, completou o Shakhtar.
    O atleta foi emprestado pelo time de Donetsk ao Zorya e ao Illichivets Mariupol, clube pelo qual vinha disputado a atual temporada. Em 2013/2014, Maicon somou 11 partidas, sendo todas como titular, e marcou três gols.
    “Esta é uma perda terrível e pesada para cada um de nós. O FC Shakhtar Donetsk manifesta as suas mais sinceras e sentidas condolências à família e amigos de Maicon. Que seja para sempre lembrado com carinho”, encerrou.
    Gazeta Esportiva

    Revisão de FGTS pode dobrar o saldo. Saiba quanto você pode ganhar

    Diferença no saldo da conta de FGTS chega a R$ 20.159 para trabalhador que tinha R$ 10 mil no fundo em julho de 1999Brito/Agência Brasília
    A discussão sobre o índice a ser usado para corrigir o saldo das contas de FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) ganhou um novo capítulo nesta semana, quando a DPU (Defensoria Pública da União) entrou com uma ação coletiva na Justiça Federal no Rio Grande do Sul.

    Se o juiz der ganho de causa para os trabalhadores, o saldo do fundo de garantia pode dobrar de valor, segundo o Instituto FGTS Fácil.

    Atualmente, o saldo das contas do fundo de garantia de todos os trabalhadores com carteira assinada é corrigido pela TR (Taxa Referencial) mais 3% ao ano. No entanto, esse cálculo não reflete a inflação. Com isso, os trabalhadores estão perdendo o poder de compra.

    Segundo o presidente do instituto FGTS Fácil, Mario Alberto Avelino, os trabalhadores precisam saber exatamente quanto eles têm em conta para calcular o que teriam direito se o saldo fosse corrigido pelo INPC (Índice Nacional de Preço ao Consumidor), por exemplo.
    Por R7

    Câmeras flagram assassino de militar da reserva em bairro de Natal

    Portal BO - Um militar da reserva de 74 anos foi assassinado na tarde desta sexta-feira(7), na porta de um comércio, na rua Querginaldo Cavalcante, no bairro de Nova Descoberta, zona Sul de Natal. Severino da Fonseca Dantas reagiu a ação de um assaltante que tentou levar um veículo tipo Corolla de propriedade do idoso. 

    O criminoso chegou em um outro carro, um Celta, com um comparsa e fugiu sem nada levar. As imagens mostram que um dos criminosos desceu do Celta branco e foi ao encontro da vítima com um capacete na mão. Ao se aproximar, os suspeito colocou o capacete na cabeça e tomou as chaves do carro do aposentado.

    Ao tentar ligar o veículo, o alarme disparou e, com isso, o ladrão saiu do carro. Neste momento, o militar da reserva teria atirado contra o assaltante. Este então revidou, atirando seis vezes. Um dos disparos atingiu a vítima, que chegou a ser socorrida, mas não resistiu e morreu antes de chegar ao hospital. Os dois bandidos fugiram e estão sendo procurados pela polícia.

    Removida delegada que apura ligação de Lula com mensalão

    Responsável pelo inquérito que investiga a suposta participação do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva no esquema do mensalão, a delegada Andrea Pinho foi removida do cargo nesta sexta-feira, 7. O inquérito que tem Lula como alvo será tocado por outro delegado, ainda não designado que pode pedir novas diligências ou o arquivamento do caso.
    Pinho, que era delegada substituta da delegacia de crimes financeiros, foi transferida para a divisão de desvio de recursos públicos. Ela passará a despachar na sede da Polícia Federal em Brasília, mesmo prédio onde trabalha o diretor-geral, Leandro Daiello, que assina sua remoção, e não mais na superintendência da Polícia Federal no DF.
    A delegada foi responsável pela Operação Miqueias que desarticulou um esquema de desvio de recursos de fundos de previdência municipais em vários Estados. Novata, Pinho foi escalada para tocar a operação de maior visibilidade no segundo semestre do ano passado, o que foi interpretado por colegas na PF como uma forma de lhe dar atribuições em meio às investigações sobre o ex-presidente Lula.

    O inquérito sobre Lula foi aberto a partir de um novo depoimento prestado pelo operador financeiro do mensalão, o publicitário Marcos Valério, que implicou o ex-presidente e outros petistas. Revelado com exclusividade pelo jornal O Estado de S.Paulo, no depoimento Valério afirmou que Lula tinha conhecimento do esquema que resultou na condenação de 25 pessoas, entre elas José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil do governo Lula, Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, José Genoíno, ex-presidente do PT e João Paulo Cunha, ex-presidente da Câmara pelo PT. O inquérito tramite sob sigilo.
    Agência Estado