• Últimas Notícias

    sábado, 15 de fevereiro de 2014

    Não é papo de boteco! Cerveja ajuda a manter a barriga chapada

    Não é papo de boteco. Além de reunir os amigos e ser muito saborosa, a cerveja pode ajudar a manter a boa forma, sabia? Ela ajuda até na fadiga mental e do corpo. Tudo isso por causa de alguns componentes especiais presentes em sua composição. Quer saber quais são?

    Pensou que era papo de cervejeiro? Que nada! Mesmo sendo uma bebida alcoólica, a cerveja apresenta vários benefícios para a saúde e boa forma. E a culpa é dos polifenois presentes em sua composição. 

    Eles têm ação predominantemente antioxidante e, por isso, ajudam o organismo a funcionar com menos radicais livres, consequentemente, melhor, com menos toxinas produzidas pelo estresse do dia a dia. A partir do momento em que você consome mais cerveja, diminui os riscos de aumentar a produção de radicais livres no organismo. Quem confirma é Roseli Rossi, nutricionista e diretora da Clínica Equilíbrio Nutricional.  


     — Em primeiro lugar, a gente deve salientar que, para obter esses benefícios, o consumo deve ser leve ou moderado. Tanto ao tomar cerveja, quanto ao tomar vinho. No que se refere à cerveja, podemos dizer que o malte e o lúpulo que compõem as cervejas claras têm uma ação predominantemente antioxidante, auxiliando na diminuição da produção de radicais livres pelo organismo. Doenças cardiovasculares, câncer e outras causadas por processos inflamatórios podem ser causadas por excesso de radicais livres. 

    Com a cerveja, é possível diminuir a ação oxidativa que ajuda a prevenir todos esses sintomas citados acima. Segundo a nutricionista, alguns estudos demonstram que a cerveja clara tem mais polifenois do que outras cervejas. O conteúdo de compostos antioxidantes é semelhante entre a cerveja e o vinho, mas a composição varia, por conta da origem dos mesmo (cevada e lúpulo, no caso da cerveja, e uvas, no caso do vinho). O chope apresenta cerca de 112,3 mg de polifenóis por dose, enquanto a cerveja de baixo teor alcoólico possui 119,9 mg por dose (porção de 350 ml).

    Os polifenois estão mais presentes no malte e no lúpulo. Por conter álcool, a bebida também promove uma vasodilatação, o que ajuda na circulação do sangue pelo organismo. Mas é preciso moderação! Segundo Roseli, a dose indicada muda de acordo com o sexo e a constituição corporal da pessoa.

     — Os valores podem variar de acordo com o sexo. A capacidade do fígado da mulher é mais baixa que o homem, então, 350 ml de cerveja é o ideal. No caso do vinho, uma taça. Para o homem seria o dobro dessa quantidade. É logico que, tudo isso, a gente fala para um adulto que não tenha nenhuma patologia. Também existem contraindicações, e os valores podem ser alterados de acordo com a individualidade.

    Um dos componentes que podem ajudar você a manter a boa forma e, de quebra, aumentar a sua disposição para trabalhar, sair, fazer exercícios, etc. é o levedo de cerveja, também conhecido como Levedura. Rico em vitaminas do complexo B, ele é recomendado para pessoas que estão em situação de alto estresse, com fraqueza; ajuda a melhorar toda a parte de energia celular, dando mais rigor ao organismo e em alguns processos neurológicos que provocam fadiga mental.
    O levedo de cerveja pode ser consumido em cápsulas e, caso não seja na forma de cápsula ou comprimido, pode ser ingerido com água, sucos ou até mesmo acrescentado na comida, desde que não sofra aquecimento para que assim possa manter suas características nutricionais.  

    Roseli alerta que suplementos como esse, devem ser inseridos em uma dieta balanceada, rica em nutrientes para que o efeito da suplementação seja positivo.
     — A gente também tem, no levedo de cerveja, uma grande quantidade de cromo. E é um mineral para controlar a glicemia, diabetes, problemas de resistência insulínica. E, além disso, é um dos minerais que ajudam na energia. É sempre importante colocar que este suplemento (e qualquer outro) deve ser inserido dentro de uma alimentação saudável.

     — A cerveja não possui os componentes ativos e benéficos da levedura, além de conter álcool, o que é contra-indicado em muitas patologias.  

    Para uma pessoa com peso normal, recomenda-se a ingestão de 3 g diárias de levedo de cerveja, se for em cápsulas, ou uma colher de sopa, se for consumido em pó.


    R7


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

    IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.